sábado, 25 de setembro de 2021

Notícias

In:

Atlético-GO joga bem, supera Fluminense e encosta no G-4 do Brasileirão

Superior durante praticamente todos os 90 minutos, o Atlético-GO venceu o Fluminense por 1 a 0, nesta quarta-feira, no estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO), pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. O único gol da partida foi marcado pelo zagueiro Nathan Silva aos 35 minutos do segundo tempo.

O placar mínimo não condiz com as oportunidades criadas durante a partida. O Atlético-GO poderia ter vencido por um placar maior em lances inacreditáveis protagonizados pelos atacantes Natanael e André Luís, ambos no segundo tempo.

Com o resultado, o Atlético-GO encerra uma sequência de dois jogos sem vitória e assume a quinta colocação, com dez pontos. Já o Fluminense completou duas partidas sem vitória e caiu para o oitavo lugar, com nove.

Em casa, o Atlético-GO teve a iniciativa de propor o jogo e obrigou o Fluminense e ter um pouco mais de cautela em campo. Logo aos 12 minutos, Dudu cruzou na área, a bola passou por todos marcadores e encontrou João Paulo, que furou na finalização e perdeu boa oportunidade.

O Fluminense equilibrou as ações em campo, mas só conseguiu criar a primeira oportunidade aos 26 minutos, quando Biel carregou bola pelo meio e tocou para Fred, que finalizou cruzado e obrigou o goleiro Fernando Miguel fazer a defesa, evitando o primeiro gol tricolor.

Na reta final do primeiro tempo, porém, o Atlético-GO voltou a assustar o Fluminense e teve duas boas chances. A primeira com Natanael, aos 36, em chute colocado rente à trave do goleiro Marcos Felipe, e depois aos 49 com Igor Cariús em cabeceio na pequena área.

Diferente da etapa inicial, o Fluminense voltou para o segundo tempo com mais efetividade. Logo aos dois minutos, Nenê cobrou escanteio pelo lado direito e Fred, na primeira trave, cabeceou para defesa de Fernando Miguel.

Mais recuado, o Atlético-GO apostou nos contra-ataques e perdeu chance incrível aos 14 minutos. Arthur Gomes recebeu nas costas da defesa do Fluminense, invadiu a área e tocou para Natanael, que sem marcação e praticamente sem goleiro, acabou finalizando na trave. Um lance inacreditável.

Desorganizado, o Fluminense viu o Atlético-GO ser melhor com a bola nos pés no campo ofensivo. Aos 27, os goianos até balançaram as redes com Zé Roberto, mas o árbitro viu falta de ataque do jogador dentro da área. Depois, aos 32, foi a vez de André Luís invadir a área e perder ótima chance.

Só que aos 35 minutos o Fluminense não escapou de sofrer gol. Arthur Gomes levantou bola na área e o zagueiro Nathan Silva, de cabeça, mandou para as redes e deu números finais ao confronto. Placar justo pelo o que os times apresentaram em campo.

O Atlético-GO voltará a campo na segunda-feira para enfrentar o Red Bull Bragantino, às 20 horas, novamente no Antônio Accioly. Já o Fluminense, no domingo, receberá o Corinthians, às 16 horas, em São Januário, no Rio de Janeiro.

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-GO 1 x 0 FLUMINENSE

ATLÉTICO-GO – Fernando Miguel; Dudu, Nathan Silva, Eder e Igor Cariús (André Luís); Willian Maranhão, Marlon Freitas e João Paulo (Arthur Gomes); Janderson, Zé Roberto (Baralhas) e Natanael. Técnico: Eduardo Barroca.

FLUMINENSE – Marcos Felipe; Calegari (Samuel Xavier) (André); Nino, Luccas Claro e Danilo Barcelos; Yago Felipe, Martinelli e Nenê (Paulo Henrique Ganso); Kayky (Luiz Henrique), Fred (Abel Hernández) e Gabriel Teixeira. Técnico: Roger Machado.

GOL – Nathan Silva, aos 35 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Fernando Miguel, Nathan Silva e Janderson (Atlético-GO); Nino, Gabriel Teixeira e Luiz Henrique (Fluminense).

ÁRBITRO – Paulo Cesar Zanovelli (MG).

RENDA E PÚBLICO – Jogo sem torcida.

LOCAL – Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO).

Copyright © 2021 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *