terça-feira, 27 de outubro de 2020

Notícias

In:

Unidade Popular ganha representação contra outdoors difamatórios na cidade

Por Assessoria

Decisão pede retirada imediata das mensagens e seu descumprimento está sujeito à multa

Neste sábado, 11, o juiz eleitoral Ricardo Jorge Cavalcante, da 33ª Zona Eleitoral da capital, deferiu a representação da candidata à Prefeitura de Maceió, Lenilda Luna, em que denunciava a prática de propaganda eleitoral irregular, em outdoors da cidade, com mensagens difamatórias direcionadas aos partidos de esquerda.

De acordo com a decisão liminar, a empresa responsável pela mídia utilizada, Lux, deverá retirar imediatamente as mensagens afixadas nos outdoors e comunicar o fato ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), sob pena de pagamento de multa diária, no valor de R$ 1.000,00, em caso de descumprimento.

Entre as mensagens veiculadas estavam frases como “Não vote em quem defende drogas”, “Não vote em quem ameaça seus filhos”, “#EsquerdaNuncaMais, além de “erotização infantil” e “sexualização nas escolas”.

De trajetória ligada a partidos de esquerda, Lenilda Luna comemorou a decisão “Vitória da UP, a ação que nós entramos contra a direita fascista, que espalhou mensagens cheias de fakenews pela cidade foi vitoriosa e a liminar foi concedida. A Unidade Popular e a esquerda lutam pelo direito à saúde, educação, moradia popular e transporte de qualidade. Fascistas, não passarão!”.

Candidatos de outros partidos do espectro político da esquerda também haviam entrado com representações contra a campanha.

Agenda

Neste domingo, 18, Lenilda Luna participa do lançamento do livro da pastora Odja Barros na Igreja Batista do Pinheiro, a partir das 10h.

Compartilhe:
Tags: ,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *