terça-feira, 30 de novembro de 2021

Notícias

In:

Governo põe delegada com formação na França para órgão de Recuperação de Ativos

A delegada Silvia Amélia Fonseca de Oliveira foi nomeada para dirigir o Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional (DRCI), órgão vinculado ao Ministério da Justiça e Segurança Pública. A escolha foi oficializada em portaria assinada pelo chefe da pasta, André Mendonça, na última sexta-feira, 17.

Silvia, que fez mestrado em Relações Internacionais na França, compõe os quadros da Polícia Federal desde 2006 e já foi chefe da Divisão de Cooperação Jurídica Internacional da corporação.

Até junho, o cargo no DRCI era ocupado pela também delegada Érika Marena, que acabou exonerada após a saída de Sergio Moro do governo. Érika trabalhou nos primeiros anos da Operação Lava Jato em Curitiba e acompanhou o ex-juiz federal em Brasília desde os trabalhos de transição ministerial.

Autor: Rayssa Motta e Fausto Macedo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *