terça-feira, 07 de Abril de 2020

Notícias

In:

Psicóloga explica como manter saúde mental na quarentena

Por Assessoria

Com a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o isolamento social se tornou realidade em diversos países, incluindo o Brasil. Em Alagoas, por exemplo, um decreto do governo do estado suspendeu, por 10 dias, as atividades de restaurantes, bares, comércios, transportes intermunicipais ou qualquer atividade que possa gerar aglomeração, com exceção de supermercados, farmácias, estabelecimentos de saúde ou outros serviços essenciais.

Com a decisão, a população está sem sair de casa. Algumas, realizando suas atividades home office. Outras, sem muitas ocupações. O fato é que ficar por tanto tempo em casa, sempre ligado às informações das redes sociais – nem sempre verdadeiras – pode desencadear algumas angústias, principalmente levando em consideração o momento de incerteza que todos vivem.

“Nesse momento, ninguém sabe muito bem o que vai acontecer daqui pra frente e essa falta de controle da situação, tem como um dos principais sintomas a ansiedade, sem dúvida”, explica a professora de Psicologia da UNINASSAU Maceió, Sabine Heumann.

Sabine explica que algumas coisas podem ser feitas para aliviar as tensões e garantir a saúde mental nesse momento de isolamento social. “Precisamos entender que existem coisas maiores acontecendo no mundo, é um momento difícil para todos. Mas, para aliviar as tensões é importante que cada um faça um esforço para pensar no momento presente, e se questionar “O que é possível fazer no momento? O que está no seu controle?” Para grande parte é apenas ficar em casa, lavar as mãos e manter a saúde física e mental”, afirma Sabine.

A docente pontua alguns cuidados específicos que podem ajudar:

– Cuidado com o excesso de informações. Todos os dias somos bombardeados com uma grande quantidade de informações que vem do mundo todo. Por isso, é importante se fazer a seguinte pergunta: eu já tenho informações suficientes para saber como me posicionar frente a essa situação? Se sim, é hora de avaliar se o excesso de informações não está servindo apenas para te deixar ansioso. Uma possibilidade é escolher um momento do dia para acompanhar as notícias e no restante do tempo tentar ocupar a cabeça com outras atividades.

– Manter a rotina mesmo em casa é bem diferente do que se esta acostumado. Estabelecer horários para acordar, fazer atividades, se alimentar, falar com outras pessoas. Inclua nessa rotina atividades saudáveis, conforme for possível faça algum exercício e também atividades que te tragam prazer.

– Cuide do seu corpo. Esse é um ponto importante, práticas de autocuidado podem contribuir bastante a passar melhor esse momento. Procure se alimentar bem, tomar seus remédios, cuidar da sua imunidade.

– Mantenha contato, mesmo que virtualmente, com as pessoas que você ama. Nós somos seres sociais, precisamos de outras pessoas, por isso o isolamento é difícil. Nesse momento, temos que utilizar outras estratégias para nos mantermos conectados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com