terça-feira, 07 de Abril de 2020

Notícias

In:

Bottas lidera dobradinha da Mercedes no fim da 1ª semana de testes em Barcelona

Foi encerrada nesta sexta-feira a primeira das duas semanas de pré-temporada da Fórmula 1 no circuito da Catalunha, em Barcelona. Em uma repetição do que aconteceu na quarta, a Mercedes foi soberana e fez os dois melhores tempos do dia. Mas desta vez com a ordem dos pilotos invertida com o finlandês Valtteri Bottas em primeiro e o inglês Lewis Hamilton logo atrás.

Com 1min15s732, Bottas impressionou e conquistou na sessão da manhã o melhor tempo de toda a semana de testes para a temporada de 2020 da Fórmula 1. O piloto da Finlândia abaixou em 1s2 a melhor marca até então que era do companheiro de Mercedes e hexacampeão mundial, obtida na quarta-feira. No final, Hamilton ainda conseguiu cravar 1min16s516 e ficou 0s8 atrás do colega de equipe.

Diferente da quinta-feira, quando as duas sessões tiveram tempos mais altos e os pilotos buscaram uma maior quilometragem com seus carros, nesta sexta aconteceram mais voltas mais rápidas e menos giros percorridos no total. Apenas o italiano Antonio Giovinazzi, da Alfa Romeo, e o canadense Lance Stroll, da Racing Point, completaram mais de 100 voltas ao longo do dia, com 152 e 115 respectivamente.

Stroll, aliás, ficou com o quatro melhor tempo desta sexta-feira. Fez 1min17s338 e ficou pouco abaixo do francês Esteban Ocon, que cravou 1min17s192 na mais rápida de suas 76 voltas. A quinta colocação foi do russo Daniil Kvyat, da Alpha Tauri (ex-Toro Rosso), com 1min17s427.

Na Red Bull, a maior preocupação dos pilotos nesta sexta-feira foi com o rendimento do carro. Pela manhã, o holandês Max Verstappen deu 86 voltas e o melhor que conseguiu foi 1min17s636, terminando o dia em oitavo lugar. Seu companheiro de equipe, o tailandês Alexander Albon, ficou em 10.º, já na casa de 1min18s (1min18s154).

Mais uma vez a Ferrari passou por problemas na pista. Começou a semana com a troca de pilotos de última hora na quarta-feira – o alemão Sebastian Vettel pegou uma forte gripe e, assim, o monegasco Charles Leclerc encarou as duas sessões – e terminou nesta sexta com o carro guiado pelo tetracampeão mundial tendo problemas no motor. No fim, ele foi apenas o 12.º mais rápido do dia, com a sua melhor volta sendo 1min18s384.

Os testes de pré-temporada da Fórmula 1 continuam na próxima semana, de quarta até sexta-feira, novamente no circuito da Catalunha. O campeonato começa no dia 15 de março com a realização do GP da Austrália, em Melbourne.

Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com