domingo, 18 de novembro de 2018

Blogs

Que tiro foi esse?

Não importa de onde partiu as balas que mataram Marielle. Coisa que a polícia e a justiça irão resolver mais dias ou menos dias.

O que se põe em jogo neste momento e que superou a tragédia da líder carioca e de seu motorista é a discussão insana entre “direitopatas” e “esquerdopatas” que ganham as raias do absurdo nas redes sociais.

A violência desmedida – não somente no Rio de Janeiro, é caso crônico que precisa emergencialmente de solução, por que assusta a sociedade, que já vive enclasurada, com medo até do aparelho policial que nasceu para proteger e já se confunde com bandidos fardados.

O caso de Marielle deve servir de exemplo para que o brasileiro repense com profundidade o que ele pretende para o país.

Qual tipo de governante é eficaz para o seu povo e se violência se combate realmente com mais violência?

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com