domingo, 18 de novembro de 2018

Blogs

Palmeira: Calzone com barata

A qualidade dos serviços de restaurantes e lanchonetes nunca foi bom, em Palmeira dos Índios. Sempre variaram de ruim a regular. Agora parece que tem piorado exponencialmente com o comodismo oriundo da freguesia regular e da falta de concorrência.

Com um cardápio sempre igual e quase sem diferença nos itens de preparo dos pratos, as lanchonetes (Palmeira dos Índios não tem restaurante) evoluíram negativamente – deixaram de ser apenas centrais de televisão para criadouros de baratas.

Sempre que vou à uma dessas lanchonetes tenho o desprazer de ter a TV ligada na rede globo e o ar-condicionado desligado para agradar um cliente específico em detrimento dos demais (um completo absurdo que vai de encontro às leis da administração). Até aí o absurdo fica no limite do intolerável.

Agora as lanchonetes “chiques” estão ostentando baratas cascudas para o almoço e o jantar. Na última sexta-feira a minha noite agradável foi interrompida pela presença inesperada de uma barata cascuda gigante que subia e descia da mesa para a parede e vice-versa.

Aquela lanchonete acima do calçadão, perto do cursinho supletivo, parece estar na derrocada final ao ter a limpeza da área dos clientes comprometida. E se a área da clientela já está sendo tomada fico imaginando a cozinha e o estoque.

Palmeira dos Índios está assim: pede um calzone e ganhe uma barata! Peça uma pizza e corra o risco de ter pedaços de rato com queijo?

A verdade nua e crua é que estamos pagando caro por um serviço regular e nada parece mudar para melhor. E não será estranho quando algumas portas forem baixadas para sempre.

O certo é que a confiança e a credibilidade chegou ao limite.

Comer na rua, nessa cidade, está muito complicado!

Acesse também http://rafaelarielrodrigo.blogspot.com.br

Compartilhe:

2 Comments

  • Deia disse:

    Concordo sobre a falta de igiene a qual vc disse ter presenciado. Porém não aceito vc generalizar! Aqui temos comerciantes capacitados com seus estabelecimentos totalmente higienizados. O interessante é que só publicam o que é ruim na nossa cidade. Cadê que vcs dedicam o tempo de vcs também para publicar as coisas boas! Amo minha cidade e peço mas respeito quando for falar dela ou da população!

    • Boa tarde, Deia.
      Já fui a várias lanchonetes e restaurantes e ainda não vi algum que passe de “regular”. Não duvido da capacidade dos comerciantes. O que é posto em dúvida, e por muitas pessoas, é o comodismo e a falta de respeito com os clientes. Essa não foi a primeira vez que vi “coisas estranhas” na cidade. Em outra situação havia larvas na salada de uma “conceituada” lanchonete/restaurante.
      Enquanto houver desrespeito e falta de qualidade nos serviços prestados eu levarei à luz para que sejam corrigidos.
      Não acredito ter faltado com respeito à cidade ou à população. Muito pelo contrário. E já publiquei sobre bons atributo de Palmeira dos Índios – sobre os poucos que tem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com