sábado, 22 de setembro de 2018

Blogs

O poder de transferência de votos de Lula para Haddad

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deferiu os pedidos de impugnação contra o ex-presidente Lula na madrugada de sexta-feira. E proibiu qualquer participação do ex-presidente em atividades de campanha na TV ou no rádio.

O PT anunciou que vai recorrer ao STF e a ONU.

Com isso, o PT terá que utilizar o vice Fernando Haddad em sua propaganda eleitoral até a substituição oficial ou julgamento do recurso. Caso haja a substituição o PT deverá fazer em até 10 dias após a publicação da decisão final.

Sabe-se agora que o plano do PT de postergar o nome de Lula até o dia 17 de setembro e manter seu nome e foto na urna eletrônica poderá não será mais possível e Fernando Haddad junto a Manuela D’Ávila terão que assumir o comando da campanha.

Pesquisas recentes dão conta de que o ex-presidente – mesmo condenado e preso – consegue transferir até 70% do seu eleitorado para Fernando Haddad, o que garante o ex-ministro da educação no segundo turno. Resta saber quem vai concorrer com Haddad. Ciro, Marina, Alckmin ou Bolsonaro?

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com