terça-feira, 25 de junho de 2019

Blogs

Moradores da Zona Rural de Palmeira dos Índios vivem o flagelo da falta d’água

A carroça de burro ainda é o meio de transporte para andar léguas atrás de um pouco d’água

A realidade do sertanejo em pleno século XXI, ainda seguindo o flagelo em busca de água para saciar a sede e suas outras necessidades. Os moradores do sítio Alto Vermelho Novo, zona rural de Palmeira dos Índios, agreste de alagoano, vivem essa dura realidade. Impressionante, como os políticos do município que deveriam atender as necessidades do povo, abandona-os, despreza-os e somente no período eleitoral é que chegam com a cara lisa prometendo até o céu.

Falta o povo se conscientizar e da o troco na urna, não escolhendo esses ilusionistas do poder. Na casa da rezadeira, dona Francisca ou dona Chiquinha, como é conhecida, existem cisternas, mas, não tem água. A prefeitura não tem dado assistência as famílias do sítio Alto Vermelho Novo, onde tem uma escola abandonada, desativada e parte dos moradores, sem água para beber.

Cadê os vereadores do município para enxergarem isso e cobrarem do poder executivo?

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com