segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Blogs

Entrevista com Vanusia Amorim

A entrevistada de hoje é a Professora Coordenadora do Prêmio Jovem Escritor, evento anual que ocorre no IFAL Vanusia Amorim– Campus Palmeira dos Índios, e do Clube de Leitura Passarinhar, localizado no mesmo campus do IFAL. Pela primeira vez desde que está à frente do Clube de Leitura e da primeira edição do Prêmio Jovem Escritor Vanusia Amorim fala sobre os projetos, os colaboradores, os planos para o futuro, os frutos de seu trabalho e o panorama onde desenvolve seus projetos.

Conhecidíssima no meio editorial e literário, Amorim abriu gentilmente um espaço em sua agenda de compromissos para um bate-papo informal.

 

Rafael RodrigoO que a motivou criar um Clube de Leitura?

Vanusia Amorim: Não fui eu quem criou o clube de leitura não…rs… na verdade, foi uma ideia da Profa. Edneide Torres, de artes. Em 2011 realizamos a primeira edição do Concurso Jovem Escritor, promovemos o lançamento do livro Mentalmorfose do poeta Elton SDL e um sarau pouco antes do final do ano letivo. Foi dias antes desse sarau que Edneide teve a ideia de fundar um clube de leitura na escola. Partilhou a intenção conosco e fomos em frente. Na noite do sarau oficializamos o “nascimento” do clube e ele está ativo até hoje e com muitos livros e amigos leitores.

 

R.R.Quais os avanços acadêmicos alcançados com o Clube?

Amorim: Achamos que a maior qualidade do clube de leitura, como espaço democrático e livre, é fomentar a leitura entre os alunos do campus, promovendo atividades relacionadas à literatura, arte e cultura. Precisamos incentivar a leitura entre nossos jovens. O Brasil é um país de poucos leitores, infelizmente. O livro precisa estar acessível e precisamos divulgá-lo para que a juventude perceba e se aproprie dos tesouros contidos nele. Um livro é sinônimo de aventura, liberdade, conhecimento, sonho… uma infinitude de coisas maravilhosas. As pessoas precisam saber disso.

 

R.R.Como os alunos levam as experiências com o Passarinhar para suas respectivas áreas técnicas?

Amorim: Um aluno leitor é um aluno diferenciado. Ele pensa, opina, interpreta, escreve e fala bem. Isso é muito bom para todas as disciplinas.

 

R.R.:Quais as dificuldades que encontrou para criar uma opinião favorável a uma prática incomum em Institutos de ensino técnico?

Amorim: A comunidade escolar, particularmente a gestão sempre apóia nossos projetos. Prof. Carlos Guedes e Profa. Ana Quitéria Menezes são dois entusiastas e apoiadores de primeira hora da implantação do clube. Professor Carlos, inclusive, por esses dias anunciou que o clube vai mudar para uma sala maior, para que os leitores se sintam mais confortáveis no Passarinhar. A verdade é que quando pensamos em fomentar literatura, arte e cultura esquecemos das dificuldades. Se pensarmos nelas, nem começamos os projetos. Amo tanto o que faço que não supervalorizo as adversidades. O mais importante é que nosso objetivo é relevante e tentamos concretizá-lo. Não tive nenhuma dificuldade. Se apareceu nem percebi…rs…estava ocupada lendo textos dos nosso alunos, tentando aumentar o acervo do clube, pensando em maneiras de publicizar o clube no campus…essas coisas…

 

R.R.Para sua carreira, como você enxerga a evolução dos discentes a partir das experiências com o Clube de Leitura?

Amorim: O Clube de Leitura abre muitas portas para mim. Por conta dele já travei contato com várias pessoas talentosas e importantes do mundo da literatura, cultura e arte.  Elas acham a ideia maravilhosa e querem saber mais sobre os alunos, o campus, doam livros, quadros…O clube só me proporciona alegrias…e um pouco de trabalho…rsrs

 

R.R.Quais os planos para o futuro do Clube de Leitura Passarinhar?

Amorim: A ideia nossa e da gestão é que ele seja mais frequentado pelos alunos e também que estabeleçamos um calendário de atividades permanentes no clube. Isso vai ser mais fácil agora com um espaço maior. Uma das ideia, por exemplo, é trazer poetas, escritores, para bate-papo com nossos discentes.

 

R.R.Quais os autores e autoridades que apoiam essa iniciativa inovadora?

Amorim: Esse é outro motivo de orgulho. Nosso clube de leitura conta com o apoio de vários autores e personalidades, além de órgãos governamentais. Recebemos doações, por exemplo, de Antonio Torres (que inclusive apadrinha o clube); Thalita Rebouças; Ovídio Poli Júnior; Lêdo Ivo; Carlito Lima; Roberto Dalmo; Marília Arnaud; Edson Marques Brandão; Elton SDL; Jaime Cirilo; Arriete Vilela, José Inácio Vieira de Melo; Marcio Takenaka, Dênis de Moraes; Arnaldo Antunes; Maurício de Sousa;  Ricardo Ramos Filho; Editora Record; FNDE; ABL, Editora Boitempo, Milton Hatoum, Luis Serguila , entre outros. Mas não posso deixar de lembrar que professores, alunos e ex-alunos do campus doam bastante também.

 

É sempre um prazer estar com Vanusia Amorim e todos esperam que seja sempre muito bem sucedida em seus projetos, no lançamento de alunos no mundo literário.

 

Mais em: http://rafaelarielrodrigo.blogspot.com.br

Compartilhe:
Tags: ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com