sábado, 17 de novembro de 2018

Blogs

Em Palmeira vereadores por pouco não trocam tapas em plena sala da Presidência

No final da manhã desta quarta-feira, o clima esquentou pra valer e foi a temperatura máxima na Câmara Municipal de Palmeira dos Índios. É que em plena sala da presidência os vereadores Fabiano Gomes (PSC) e Cristiano Ramos (PDT) quase chegaram às vias de fatos, após uma acirrada discussão. Tudo começou após a sessão ordinária não acontecer por falta de quórum, mesmo com a maioria dos parlamentares estando presentes nas dependências da Casa.

O secretário de Articulação Política e o Controlador do Município, Emilio Silva e Klenaldo Oliveira, respectivamente, fizeram uma reunião com um grupo de 10 vereadores e deixaram os outros 5 de fora, causando um grande mal estar. O presidente da Mesa Diretora, Júnior Miranda (PSL), foi ao Plenário, fez a chamada regimental, mas apenas os vereadores Toninho Garrote (PP), Adelaide França (PMDB) e Fabiano Gomes, estiveram presentes. O regimento interno só permite realização de sessões com o número mínimo de oito parlamentares.

Logo após saírem do Plenário, os vereadores se reuniram no gabinete da Presidência, onde o primeiro secretário Fabiano Gomes comandava a reunião e debatia o regimento interno. Insatisfeito, o vereador Cristiano Ramos levantou a voz e disse que Fabiano não era homem para falar pela Casa. Fabiano reagiu e o bate boca começou. Houve troca de ofensas e, por pouco, não chegaram as vias de fato, pois os vereadores presentes interferiram. Visualmente nervoso, o vereador Cristiano Ramos ameaçou seu par, na presença dos demais colegas. “Você não é mais homem do que eu. Lá fora a gente se resolve!”.

Compartilhe:

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com