terça-feira, 10 de dezembro de 2019

Notícias

In:

Irã enriquece urânio em Fordow e ministros da Europa demonstram preocupação

O Irã levou adiante sua ameaça de enriquecer urânio na base subterrânea de Fordow, afirmou nesta segunda-feira a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA). A notícia representa o mais sério passo já dado pelo país nesse sentido, conforme o país se afasta do acordo nuclear de 2015.

O Irã adotou uma série de medidas em desafio gradual ao acordo desde julho, em resposta às duras sanções dos Estados Unidos. Teerã busca apoio da Europa para ajudar o país persa economicamente e se contrapor à pressão da Casa Branca. O Irã anunciou na semana passada a retomada do enriquecimento em Fordow. A AIEA afirma que o país por ora possui apenas algumas centenas de centrífugas básicas com o material no local.

O governo iraniano afirma que todas as suas atividades têm fins pacíficos. Nesta segunda-feira, os ministros das Relações Exteriores de Reino Unido, França, Alemanha e da União Europeia afirmaram, após reunião em Paris, que estão “extremamente preocupados” com as ações do Irã em Fordow. A decisão “tem algumas consequências potencialmente sérias em termos de proliferação” nuclear, advertiram. Eles disseram que seguem determinados a preservar o acordo nuclear, mas pediram que o Irã volte a cumprir o que está determinado. Os ministros, contudo, não fizeram nenhuma ameaça direta, embora não tenham descartado recorrer ao mecanismo de disputas em relação ao acordo. Fonte: Dow Jones Newswires.

Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com