quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Notícias

In:

Cia Stavis-Damaceno encena pela primeira vez o espetáculo Psicose 4h48 em Maceió nos 109 anos do Teatro Deodoro

Por Hannah Copertino

A programação para celebrar os 109 anos do Teatro Deodoro recebe mais um grande espetáculo nacional encenado pela primeira vez aqui: Psicoce 4h48, da Cia Stavis-Damaceno, entra em cartaz no sábado (16/11), às 20h, com entrada gratuita.

Um dos mais importantes textos da dramaturgia contemporânea mundial, Psicose 4h48, de Sarah Kane, fala sobre depressão psicótica e o que acontece na mente de uma pessoa quando desaparecem por completo as barreiras que distinguem a realidade das diversas formas de imaginação.

Durante toda a sua curta vida, a personagem Kane foi atormentada por acessos depressivos. A cada nova ocorrência, esses acessos foram gradativamente levando-a a um processo de suicídio que teve fim em 1999, aos 28 anos de idade. A experiência desses episódios e os tratamentos médicos a que teve que se submeter formaram a matéria-prima para a construção deste seu último texto.

Discorrendo sobre a doença e suas diversas consequências – em caso extremo, o suicídio – a peça apresenta um texto fragmentado, não linear, permeando entre o dramático, o lírico e o narrativo. A peça se passa mais na mente da protagonista do que no consultório psiquiátrico que remete à cenografia, isso influencia na linguagem de devaneios que a Cia dá à encenação.

Segundo Marcos Damaceno, Psicose 4h48 é um texto que pretende dar forma a algo que não tem forma, os nossos pensamentos. A montagem foi estruturada somente na musicalidade e no ritmo das palavras, devido a não existência de trama, enredo, história e outros elementos característicos de uma dramaturgia convencional.

O trabalho foi desenvolvido priorizando o tratamento do texto nas vozes dos atores como forma de não espetacularizar o tema, focando a atenção no texto da Sarah Kane e na atuação da Rosana Stavis, ganhadora do Troféu Gralha Azul por esta atuação e frequentemente apontada pela crítica especializada e profissionais diversos como uma das melhores atrizes do teatro brasileiro na atualidade.

“Psicose 4h48 é um espetáculo com o qual que já fizemos mais de 300 apresentações por todas as regiões do país, mas que nunca havíamos apresentado em Maceió e é denso, importante, tanto pela temática, quanto por tudo que esse texto representa para o teatro universal, sendo interpretado pela Rosana Stavis, uma das grandes atrizes que temos no Brasil hoje. Tenho certeza de que a apresentação em Maceió será um grande sucesso”, conclui o diretor Marcos Damaceno.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com