sábado, 19 de outubro de 2019

Notícias

In:

Idealize Mulher leva palestras de empreendedorismo para público feminino do Agreste alagoano

Por Assessoria
Como parte da programação, a Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), em parceria com a Secretaria da Mulher e Direitos Humanos (Semudh) e Sebrae, realizou uma edição especial do projeto Idealize, em Campo Alegre. Com foco no estímulo ao empreendedorismo, o Idealize Mulher reuniu 250 pessoas que participaram de palestras e um bate-papo sobre as necessidades do público feminino e as dificuldades encontradas no mercado de trabalho.
Moradora de Campo Alegre e participante do evento, Marluce Maria de Lima foi a primeira a chegar no Idealize e é objetiva ao falar de suas expectativas: “Quero empreender com o artesanato. Meu interesse é subir, crescer, ganhar dinheiro e cada dia mais melhorar o meu negócio”, afirma. Atualmente, o maior objetivo de Marluce é solicitar crédito para transformar sua residência em uma loja para comercialização do artesanato.
A programação contou com painéis como: “Caso de Sucesso: Flaus irmã Nobre”, com Joyce Nobre, “Marketing Digital e Redes Sociais”, com Keyla Gabriele, “Coach de Vida, Produtividade e Autoconhecimento”, com Ana Santos, “Representatividade Feminina”, com Mirian Soares, e “Consultoria de Negócios”, com a palestrante Érica Albuquerque.
No bate-papo, dentre as situações apontadas pelas participantes e palestrantes, estão a dúvida da competência da mulher, o machismo, racismo e as dificuldades em conciliar maternidade e trabalho.
A secretária adjunta de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Olívia Tenório, destacou a importância da participação de mulheres no ambiente de negócios. “Lugar de mulher também é empreendendo, é fazendo acontecer, é gerando emprego e renda. E o Governo de Alagoas está aqui para somar e concretizar esse sonho da mulher alagoana de ter o seu próprio negócio e ser independente.”
Além das palestras, o público teve acesso à ações de saúde, como vacinação, apoio nutricional e assistência social. A Agência de Fomento Desenvolve realizou atendimento esclarecendo as linhas de crédito disponíveis para as empreendedoras.
Ações em Arapiraca
Durante a programação, a Sedetur levou para o Parque Ceci Cunha, em Arapiraca, a emissão da carteira do artesão e o Cadastur, sistema de regulamentação e cadastro de quem atua no segmento turístico.
Devido ao grande número de artesãos no município, a Gerência de Artesanato realizou a entrega de mais de 60 carteiras. Entre Arapiraca e Campo Alegre, 50 novos cadastros foram realizados durante o Governo Presente.
Maria Cícera Porfírio, líder da Associação Comunitária do Bairro Capiatã, contou dos impactos da produção na sua comunidade. “O artesanato transforma a vida das pessoas. Quem está praticando, trabalhando, já tem uma fonte de renda. Nós temos uma variedade de artesanato na nossa comunidade, onde o crochê é predominante. Estamos fazendo cursos e nos capacitando para melhorar ainda mais”, finaliza.
Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com