quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

Notícias

In:

Parlamentares árabes em Israel apoiam Benny Gantz para primeiro-ministro

O bloco árabe no Parlamento de Israel abandonou sua postura habitual de afastamento e endossou o ex-chefe militar Benny Gantz para primeiro-ministro do país, potencialmente dando a ele vantagem sobre o líder linha dura Benjamin Netanyahu. O movimento histórico marcou a primeira vez em quase três décadas que os partidos árabes apoiam um candidato a primeiro-ministro, refletindo seu desprezo por Netanyahu, acusado de fomentar o ódio aos árabes durante sua campanha de reeleição.

O legislador árabe Ahmad Tibi disse que Benny Gantz não é a sua escolha preferida. “Mas prometemos aos nossos eleitores que faríamos tudo para derrubar Netanyahu, e o padrão aqui é recomendar Benny Gantz.” Caberá ao presidente de Israel, Reuven Rivlin, decidir qual candidato deve ter a chance de formar um governo de coalizão e atuar como primeiro-ministro.

Nem Gantz, líder do partido centrista Azul e Branco, nem Netanyahu, chefe do movimento conservador Likud, têm maioria no Knesset, de 120 assentos. Mas com o apoio dos partidos árabes, Gantz ganhou uma ligeira vantagem. Ele poderia ter até 57 apoiadores, em comparação aos 55 de Netanyahu.

O político Avigdor Lieberman, chefe do partido Yisrael Beitenu, de tamanho médio, controla os oito últimos assentos, tornando-se o principal agente de equilíbrio. Mas ele anunciou no domingo que não endossará nenhum dos candidatos. Fonte: Associated Press.

Autor: AE
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com