terça-feira, 17 de setembro de 2019

Notícias

In:

Educação e MPT lançam quinta projeto Resgate a Infância

Por Assessoria

Alunos da Escola Pedro Suruagy, no Tabuleiro do Martins, receberam premiação pelo primeiro lugar na etapa regional de projeto. (Foto: Nathaly Correia/Ascom Semed)

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) desenvolve desde 2018 o Projeto Resgate à Infância, que tem como objetivo realizar debates nas escolas da Rede Municipal de Ensino sobre os direitos da criança e do adolescente, principalmente, no que se refere à erradicação do trabalho infantil. Dando continuidade a este trabalho no município, a Semed em parceria com o Ministério Público do Trabalho (MPT), lançam nesta quinta, (25) no Cine Arte Pajuçara, às 9h, o projeto ” Resgate a Infância” para o ano de 2019.

Segundo a coordenadora dos Centros e Núcleos da Semed, Ticyane de Araújo, as escolas que participaram do projeto em 2018 foram escolhidas com base na localização. “Essas escolas estão localizadas próximas de feiras livres, comércio, onde é mais fácil de encontrarmos crianças fora da escola, trabalhando, e por isso decidimos trabalhar com os alunos para conscientizar sobre o trabalho infantil”, explicou a coordenadora. Para este ano, a coordenadora reforçou que o projeto irá contemplar  todas as escolas de ensino fundamental que aderir ao projeto.

Alunos da Escola Pedro Suruagy, no Tabuleiro do Martins, receberam premiação pelo primeiro lugar na etapa regional de projeto. (Foto: Nathaly Correia/Ascom Semed)

Através da parceria com o MPT, os gestores das escolas participaram de capacitação com a vice-coordenadora da Infância, a procuradora Virgínia Ferreira, que ressaltou a importância do trabalho em sala de aula. “Esse projeto é importante para a conscientização quanto aos malefícios do trabalho infantil. É preciso refletir permanentemente sobre os problemas causados por essa prática, que é diferente da modalidade de menor aprendiz”, frisou a procuradora.

Ainda em 2018, entre as escolas que foram escolhidas para implementação do projeto, uma se destacou: a Escola Municipal Pedro Suruagy, localizada no Tabuleiro dos Martins, próximo à conhecida Feirinha do Tabuleiro. Os alunos da escola participaram da etapa nacional do Projeto Resgate à Infância, após vencer a etapa estadual do concurso na categoria Música.

Os estudantes Ana Vitória, Diogo Hélio, Luan Victor, Thays Alessandra e Thiago Miquéias criaram  o rap “Ser criança todo dia”, para falar sobre o combate ao trabalho infantil. A escola ganhou cinco mil reais, que deve ser dividido entre os participantes do projeto.

O prêmio MPT na Escola é dividido em dois grupos: o primeiro compreende alunos do 4º e 5º ano do Ensino Fundamental e o segundo é direcionado aos alunos de 6º e 7º ano e conta com cinco categorias: Conto, Poesia, Música, Desenho e Curta Metragem. Este ano a coordenadora de Centros e Núcleos, Ticyane Bentes explicou que o foco será nos alunos do 4º ano visando a aplicação da Prova Brasil.

O lançamento da sequencia do projeto será realizado nesta quinta-feira (25), às 8h, no Centro Cultural Arte Pajuçara.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com