domingo, 25 de agosto de 2019

Notícias

In:

Campus Palmeira recebe alunos de escola estadual para projeto Física Virtual

Por Assessoria

As portas do Instituto Federal Alagoas (Ifal), campus Palmeira dos Índios, estão sempre de portas abertas para atender e receber toda a comunidade externa. Prova disso são as ações extensionistas desenvolvidas na instituição, como o projeto do professor de Física, Rodrigo Raposo: Física Virtual. Na última terça, 16, ele e os alunos do 3º ano de Informática, Ryan Pereira e Saulo Teixeira, fizeram uma atividade diferenciada para os alunos da Escola Estadual Manoel Macêdo.

O Física Virtual tem como intuito desenvolver com turmas do ensino médio da escola estadual o estudo da disciplina de Física, por meio do auxílio de softwares de aprendizagem, tornando as aulas mais interativas e desenvolvendo o interesse do alunado para o estudo das Ciências. No laboratório de Física do campus, os alunos puderam entender na prática conceitos básicos sobre circuitos elétricos, corrente elétrica e medidores de energia.

O próximo passo é que eles possam utilizar os programas de computadores para ampliar seus conhecimentos sobre eletricidade”, adianta o professor, Rodrigo Raposo.

O docente explica que uma das principais dificuldades encontradas por ele e seus bolsistas ao dar início ao projeto na escola foi a falta de acesso a computadores e smartphones, além da pouca familiaridade com noções básicas de Informática. “Foi necessário antes de aplicar os softwares, passar esses conceitos para eles e fazer com que desenvolvessem o interesse pelo estudo das Ciências Exatas. Para isso, temos como parceiros os professores Marcelo Ferreira e Lucas Vilela. Eles estão sempre disponíveis para que possamos realizar essas atividades na escola ou em nosso campus”, ressalta Rodrigo.

Quem acompanhou os estudantes na visita foi justamente Marcelo, que leciona as disciplinas de Física e Matemática, na estadual. Em seu cotidiano, ele costuma trabalhar o tema energia elétrica, desde a sua produção na usina hidroelétrica até a chegada nas residências e utilização em diversos aparelhos elétricos, por isso o Física Virtual vem para fomentar ainda mais na prática os conceitos compreendidos em sala.

Agradecemos ao Rodrigo e a seus alunos pela disponibilidade. Com persistência e paciência fomentaremos o amor pela Ciência. Julgo muito importante que haja essa interação entre escolas, endossando as palavras do professor Rodrigo: ‘o espaço é público e deve servir à comunidade’. Estamos juntos!”, reconhece Marcelo.

Laboratório de Física

Recentemente, o espaço passou por uma reforma com a instalação de armários, iluminação trocada por lâmpadas de LED, modificações na parte elétrica e ajustes nas bancadas. O local é utilizado por professores para o planejamento de aulas e realização de pesquisas, mas ele também está aberto para toda a comunidade.

O laboratório é um espaço adequado para receber atividades de ensino, pesquisa e extensão, sendo utilizado por alunos do ensino médio e semanalmente para práticas laboratoriais dos cursos de Engenharias Civil e Elétrica. Ele está aberto para a comunidade, porém as atividades devem ser supervisionadas pelos professores de Física do Instituto ou pelo técnico Zenilton Quaresma”, alerta Raposo.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com