sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Notícias

In:

Del Potro vence canadense, mas sente dores e desiste em Queen’s

O tenista argentino Juan Martín del Potro teve motivos para comemorar e lamentar nesta quarta-feira. O atual número 12 do mundo venceu em sua estreia o canadense Denis Shapovalov por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/4. No entanto, sofreu com dores na reta final do jogo e acabou abandonando a competição.

Del Potro sofreu um escorregão junto à rede durante o oitavo game do segundo set. Passou, então, a sentir dores no joelho direito. Ao fim da partida, foi submetido a testes, cujos resultados não foram divulgados. No fim do dia, os organizadores confirmaram a baixa do terceiro cabeça de chave na competição londrina, de nível ATP 500.

O argentino se torna, assim, dúvida para Wimbledon. O terceiro Grand Slam da temporada terá início no dia 1º de julho, também na grama de Londres. Del Potro terá, portanto, dez dias para se recuperar do novo problema físico. O argentino tem longo histórico de lesões, principalmente no punho esquerdo e no joelho.

Com o abandono de Del Potro, o espanhol Feliciano López já garantiu vaga nas quartas de final. Nesta quarta, ele venceu o húngaro Marton Fucsovics por 6/7 (4/7), 6/3 e 6/4. E agora terá um dia de descanso antes do seu próximo jogo, quando terá pela frente o vencedor do duelo entre o esloveno Aljaz Bedene e o canadense Milos Raonic.

Nesta quarta, Raonic, sexto cabeça de chave, despachou o italiano Marco Cecchinato por 6/3 e 6/2. E Bedene superou o australiano Alex de Minaur por 3/6, 6/4 e 6/4.

Em outro confronto com cabeça de chave em quadra, o suíço Stan Wawrinka (7º) bateu o local Dan Evans por 6/3 e 6/4. Seu próximo adversário será o francês Nicolas Mahut, que veio do qualifying.

Outros dois franceses avançaram às oitavas de final. Jeremy Chardy eliminou o casaque Mikhail Kukushkin por 6/1 e 6/3, enquanto Lucas Pouille despachou o britânico Jay Clarke por 7/6 (7/2) e 6/1.

A rodada desta quarta, no entanto, não pôde ser finalizada em razão da chuva. O duelo entre o grego Stefanos Tsitsipas, principal candidato ao título, e o local Kyle Edmund foi suspenso no segundo set. O favorito liderava o placar por 6/3, 3/3 (30-30).

Os confrontos entre o canadense Feliz Auger-Aliassime e o búlgaro Grigor Dimitrov e entre o australiano Nick Kyrgios e o espanhol Roberto Carballes Baena sequer tiveram início.

ALEMANHA – No Torneio de Halle, outro preparatório para Wimbledon, os favoritos também não decepcionaram. Atual campeão, o croata Borna Coric sofreu nesta quarta, mas bateu o português João Sousa por 7/6 (7/4), 5/7 e 7/6 (7/4) e avançou às quartas de final. Na sequência, o quarto cabeça de chave vai encarar o francês Pierre-Hugues Herbert, que avançou ao superar o ucraniano Sergiy Stakhovsky por 2/6, 7/6 (7/2) e 6/4.

Terceiro pré-classificado, o russo Karen Khachanov derrotou o local Jan-Lennard Struff também em três sets: 6/3, 3/6 e 6/4. Nas quartas de final, ele enfrentará o vencedor do duelo italiano entre Matteo Berrettini e Andreas Seppi.

O belga David Goffin também venceu nesta quarta. O ex-Top 10 derrotou o moldávio Radu Albot por 4/6, 6/4 e 6/3. Seu próximo adversário vai sair do duelo entre o alemão Alexander Zverev, segundo cabeça de chave do torneio alemão, e o norte-americano Steve Johnson.

Dono de nove títulos em Halle e maior favorito ao troféu deste ano, o suíço Roger Federer volta à quadra nesta quinta-feira, após vencer em sua estreia. Em seu segundo jogo na grama de Halle, ele vai encarar o francês Jo-Wilfried Tsonga.

Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com