domingo, 16 de junho de 2019

Notícias

In:

Lar de amor: instituição Maria das Neves resgata vínculos familiares

Por Assessoria

Garantir que os direitos fundamentais das crianças e adolescentes sejam respeitados, dar amor, proteção, educação e ensinar a viver em sociedade é a missão cotidiana dos 21 profissionais que atuam na Casa de Passagem Maria das Neves, localizada no bairro Cavaco, em Arapiraca.

A Casa de Passagem trabalha com várias linhas de ação, de acordo com a especificidade de seus programas. São elas: saúde física (alimentação, vacinação, oficinas de saúde, oficinas de esporte, encaminhamento médico e odontológico à rede pública de saúde, distribuição de material de higiene pessoal) e ação sócio-pedagógica. A instituição conta com assistente social, psicóloga, cuidadores, auxiliares de cuidadores, motorista, responsáveis pela limpeza e comida, vigia e o coordenador.

Para o lar vão crianças que tenham pais dependentes químicos, que sofram qualquer tipo de violência, que perderam o vínculo familiar, ou seja, àqueles que tenham seus direitos básicos violados. Os bebês abandonados são levados para a o Lar Anjo Letícia.

“Nosso serviço de acolhimento institucional é desenvolvido por profissionais que têm como premissa a sensibilidade de acolher crianças e adolescentes que as circunstâncias da vida ou até as famílias não souberam tratá-las. Assumimos momentaneamente o lugar da família e buscamos estabelecer um vínculo de afeto,segurança e especialmente garantia de direito. A sociedade arapiraquense cumpre muitíssimo bem seu papel e têm ajudado decididamente na manutenção dos abrigos”, declarou Anadja Almeida, secretária de Desenvolvimento Social.

O município conta com essas duas instituições, que oferecem dignidade e qualidade de vida aos cuidados em situação de risco. A Casa Maria das Neves abriga nove crianças e adolescentes (oito meninas e um menino), mas tem a capacidade para vinte, sendo hoje a única instituição em Arapiraca que abriga meninas e meninos.m Atualmente, o público beneficiário é composto por crianças e adolescentes em situação de risco, encaminhadas pelos Ministério Público e pelo Conselho Tutelar dos Direitos da Criança e do Adolescente.

“Nós damos para eles muito amor e queremos mostrar pra eles como é ter uma família, além do afeto, damos responsabilidades, orientarmos e educá-los. Oferecemos hoje a melhor estrutura com seis refeições, escola, diversão, de forma mais humanizada possível. Aqui não é um abrigo e sim uma instituição de acolhimento que eles tem que considerar como casa. Fazemos de tudo para que eles se sintam como qualquer criança e adolescente com seus direitos e deveres”, destacou Thiago Pereira, coordenador da instituição.

A Casa Maria das Neves é sustentada pela Prefeitura Municipal de Arapiraca, através da Secretaria de Desenvolvimento Social, e apoiada por madrinhas e padrinhos, a exemplo de empresas e o Projeto Criança Feliz.

LABORTERAPIA

A instituição desenvolve também o método laborterapia, que também pode ser chamado de terapia ocupacional, sendo uma técnica psicoterapêutica, onde é utilizado tipos de trabalhos para afastar a desocupação e outros problemas gerados pelo tédio e pelo ócio. Alguns trabalhos manuais utilizados na laborterapia são serviços de jardinagem, horticultura, limpeza, na cozinha, manutenção de alguns pontos da clínica e outros serviços gerais.

Neste sábado (18), colaboradores e os acolhidos vão desenvolver uma horta pedagógica na unidade. A ação conta com o apoio da Faculdade de Ensino Regional (Fera).

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com