segunda-feira, 22 de Abril de 2019

Notícias

In:

Ifal recebe permissão para operar rádio FM em Arapiraca

Por Assessoria

Em breve, o Instituto Federal de Alagoas estará mais perto dos moradores de Arapiraca e das proximidades, na região do Agreste. É que o trabalho realizado no campus vai ultrapassar os limites da instituição pelas ondas do rádio. O Ifal conseguiu permissão para operar uma frequência de rádio em Arapiraca, com o objetivo de levar conteúdo educativo à população do município.

O parecer foi aprovado nessa terça-feira, 19, pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados. O processo que pede a permissão para o Instituto executar o serviço de radiodifusão sonora em frequência modulada, para fins exclusivamente educativos, começou a tramitar em 2011, no Ministério das Comunicações. O projeto foi feito no campus com a ajuda do professor Carlos Vangasse, do campus Maceió.

“Depois de anos de espera, muitos contatos realizados, apreensões, nós ontem tivemos a confirmação da aprovação da outorga de funcionamento da rádio que será administrada pelo Instituto Federal de Alagoas, campus Arapiraca. E isso nos abrirá grandes oportunidades, não só de levar a educação através dos canais de difusão do rádio, com alguns programas a serem produzidos por profissionais do próprio campus. Mas também poderá possibilitar o fomento à cultura, educação, informação de uma maneira mais acadêmica. E isso é um fato muito importante para toda a região”, comemora o diretor-geral do campus, Fábio Ribeiro.

O campus tem dois anos para iniciar as atividades da rádio. A próxima etapa é fazer a licitação para a aquisição dos equipamentos necessários. “A partir de agora também vamos nos esforçar para disponibilizar um espaço para o estúdio, como somos uma Instituição Federal de ensino profissionalizante e temos o curso de Eletroeletrônica, também neste espaço deverá ter um laboratório de rádio e equipamentos para que os nossos alunos possam também ter esse incremento de informações em sua formação profissional”, explica Fábio.

Atualmente, cerca de 860 alunos e alunas estudam na instituição, em cursos técnicos integrados ao ensino médio de Informática e Eletroeletrônica, cursos técnicos subsequentes de Eletroeletrônica e Logística, licenciatura em Letras-Português, bacharelado em Sistemas de Informação e especializações em Ensino das Ciências e Matemática e Linguagem e Práticas Sociais.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com