quarta-feira, 24 de Abril de 2019

Notícias

In:

Antes de amistoso, Löw se diz pronto para ‘assumir risco’ com nova geração alemã

A seleção da Alemanha enfrenta a Sérvia nesta quarta-feira, às 16h45 (de Brasília), em Wolfsburg, em seu último teste antes do início das Eliminatórias da Eurocopa de 2020, que começarão na quinta. Pressionado por maus resultados, o técnico Joachim Löw vai apostar na renovação do elenco do time nacional.

“Tenho certeza de que os jovens jogadores vão dar conta do recado”, disse o comandante, em entrevista coletiva, na qual deixou claro que está pronto para assumir a responsabilidade das consequências de dar chance a vários jogadores da nova geração. “Se você toma a decisão de ir para as Eliminatórias com jovens jogadores, então você está assumindo um risco. Você não sabe o quão rapidamente eles vão alcançar o seu potencial. Estou convencido de que os jovens jogadores vão conseguir isso e então estou pronto para assumir o risco”, ressaltou.

A aposta nos jovens jogadores surge no momento mais turbulento vivido pela Alemanha nos últimos anos. O time nacional não vence uma partida de uma competição oficial desde que ganhou da Suécia por 2 a 1, na segunda rodada da fase de grupos da Copa do Mundo da Rússia. Com duas derrotas e uma vitória, a seleção não conseguiu avançar às oitavas de final do torneio.

Depois da Copa do Mundo, a Alemanha disputou a Liga das Nações, um novo campeonato criado pela Uefa. O time de Löw foi eliminado novamente na fase de grupos. Foram duas derrotas e dois empates em confrontos diante de França e Holanda.

Para agravar a crise, o treinador anunciou o fim do ciclo na seleção de alguns dos pilares da equipe campeã do mundo em 2014. Segundo o treinador, os zagueiros Boateng e Hummels e o atacante Müller não serão mais convocados. A decisão irritou o trio do Bayern de Munique e a diretoria do principal clube do país, que criticou o treinador publicamente pela forma que anunciou esta decisão.

O Bayern entendeu que Löw avisou sobre os descartes destes jogadores em um momento inoportuno, no qual o time estava na luta direta pelo título do Campeonato Alemão e também envolvido em um mata-mata com o Liverpool pelas oitavas de final da Liga dos Campeões, da qual acabou sendo eliminado. “Acreditamos que o momento e as circunstâncias do anúncio desta decisão para os jogadores e para o público são questionáveis”, afirmou um comunicado recente divulgado no site oficial do clube.

Neste processo de renovação, o atacante do Manchester City Leroy Sané, de 23 anos, desponta como uma dos principais apostas. “Ele é muito habilidoso e conseguiu trazer isso para o campo nos últimos seis meses. Sané ainda tem muito potencial e pode se tornar muito importante para a seleção Alemã”, disse o comandante nesta terça-feira.

A lista de 23 convocados para enfrentar a Sérvia e o primeiro jogo das Eliminatórias inclui ainda os jovens zagueiros Lukas Klostermann (RB Leipzig) e Niklas Stark (Hertha Berlin) e o meia Maximilian Eggestein (Werder Bremen).

No confronto no qual vai estrear neste qualificatório para a Eurocopa, a seleção alemã enfrenta a Holanda no domingo, na Arena Johan Cruijff, em Amsterdã. Este Grupo C das Eliminatórias ainda tem a Bielo-Rússia, a Irlanda do Norte e a Estônia.

Contestado no cargo pelos maus resultados, Löw tem contrato com a seleção até a próxima Copa do Mundo, em 2022, que será disputada no Catar. A última renovação ocorreu pouco antes da Copa do Mundo da Rússia. Depois do fracasso no torneio, o treinador se reunião com os dirigentes da Federação Alemã de Futebol (DFB, na sigla em alemão) para traçar novos rumos para o time nacional e teve a sua continuidade no cargo confirmada.

Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com