domingo, 21 de Abril de 2019

Notícias

In:

Invicto no ano, Vasco vence Serra fora de casa e avança na Copa do Brasil

Embalado pelo título da Taça Guanabara conquistado diante do Fluminense no último domingo, o Vasco jogou para o gasto e avançou à terceira fase da Copa do Brasil na noite desta quarta-feira ao vencer o Serra, por 2 a 0, no Estádio Kleber Andrade, em Cariacica.

Além de se manter vivo na Copa do Brasil, o Vasco receberá ainda uma premiação de R$ 1,4 milhão por ter passado de fase. O próximo adversário no torneio vai sair do confronto entre Avaí e Brasil de Pelotas, marcado para o dia 7 de março, na Ressacada, em Florianópolis.

Apesar do jogo ser no Espírito Santo, o Vasco estava se sentindo em casa, já que a maioria dos torcedores era cruzmaltina. E, como já era esperado, o time carioca começou em cima do Serra. A primeira boa oportunidade veio aos 16 minutos em finalização de Yago Pikachu. A bola desviou na zaga e saiu rente ao travessão.

Os jogadores cruzmaltinos reclamaram de um pênalti não marcado em Maxi López aos 25. Dois minutos depois, o Vasco abriu o placar em Cariacica. Bruno César cobrou escanteio e Lucas Mineiro foi lá em cima para cabecear no cantinho. Em vantagem, o Vasco diminuiu o ritmo, mas mesmo assim continuou tendo a posse da bola.

Logo no primeiro minuto do segundo tempo, o Serra fez mais do que toda a etapa inicial. Rodrigo Pardal ajeitou de cabeça e Rael desperdiçou boa oportunidade ao bater para fora. A resposta do Vasco veio em finalização de Yago Pikachu na rede pelo lado de fora.

Conforme o tempo ia passando, os espaços para os contra-ataques do Vasco começavam a aparecer. Em um deles, Bruno César recebeu cruzamento de Yago Pikachu e chutou em cima de Alex Augusto. Aos 24, Peu soltou a bomba em cobrança de falta e a bola passou raspando a trave de Fernando Miguel.

Aos 39, Darlan finalizou, a bola desviou na zaga e saiu levando perigo. Na cobrança de escanteio, Peu quase fez olímpico. Autor do gol do título da Taça Guanabara, Danilo Barcos assustou em cobrança de falta. O Vasco garantiu a classificação aos 48 minutos com Ribamar finalizando rasteiro por baixo das pernas do goleiro ao receber passe de Leandro Castán.

FICHA TÉCNICA:

SERRA-ES 0 X 2 VASCO

SERRA-ES – Walter; Gilmar Baiano, Alex, Renato Oliveira e Peu; Caetano, Emílio (Darlan) e Guilherme Pitty (Noronha); Rodrigo Pardal, Lessinho (Madison) e Rael. Técnico: Cleiton Marcelino.

VASCO – Fernando Miguel; Cáceres, Werley, Leandro Castán e Danilo Barcelos; Raul, Lucas Mineiro, Bruno César (Rossi) e Yago Pikachu; Maxi López (Ribamar) e Marrony (Yan Sasse). Técnico: Alberto Valentim.

GOLS – Lucas Mineiro, aos 27 minutos do primeiro tempo. Ribamar, aos 48 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Vinícius Gonçalves Dias Araújo (SP).

CARTÕES AMARELOS – Gilmar Baiano, Caetano e Peu (Serra); Cáceres e Maxi López (Vasco).

RENDA E PÚBLICO – Não disponíveis.

LOCAL – Estádio Kléber Andrade, em Cariacica (ES).

Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com