sexta-feira, 14 de dezembro de 2018

Notícias

In:

Ampliação e interiorização dos cursos da ESA são compromissos de Fernando Falcão para OAB/AL

Por Assessoria

“Nossos compromissos refletem a união de pessoas por ideais num grande movimento pela moralização e pela valorização profissional, através do resgate dos princípios essenciais da OAB de Alagoas”, define Fernando Falcão, candidato à Presidência da da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional de Alagoas (OAB/AL), sobre o documento de compromissos firmado por ele para com a categoria.

São 31 ações subdivididas entre quatro eixos: valorização profissional, assistência socioeconômica e técnica, gestão inclusiva e colaborativa e qualificação e aprimoramento profissional. Esta última, reúne três ações que são consideradas de suma importância para a categoria pois trata de uma necessidade que atinge desde os mais jovens até os advogados mais experientes.

“Quem me conhece sabe que esse pleito não é recente. São problemas destacados por mim há muitos anos e que pela inércia da OAB apenas se avolumaram, tornando ainda mais necessária e permanente a adoção de soluções corajosas e firmes”, destaca o candidato.

O segundo bloco de compromissos apresentado pelo advogado Fernando Falcão, que tem como vice a advogada Claudia Lany, traz as seguintes ações para serem colocadas em prática no próximo triênio: Criação de uma biblioteca com cabines de leitura,  ampliação dos cursos ofertados pela Escola Superior de Advocacia (ESA) e interiorização dos cursos regulares da ESA.

A criação de uma biblioteca, na antiga sede da OAB, com diversas cabines de estudos é, segundo Fernando – que é professor há 16 anos -, uma necessidade que tem se mostrado cada vez maior nos últimos anos.

“Não somente a falta de uma biblioteca acessível aos advogados, como também a ausência de espaços adequados ao estudo. Para solucionar estes problemas, criaremos, nas instalações do prédio histórico da OAB, no centro da cidade, uma biblioteca diversificada com a disponibilização de várias cabines de estudo, para que o advogado possa ter conforto para fazer suas pesquisas ou preparar-se para concursos públicos”, afirma Fernando.

O candidato explica, ainda, que outra ação proposta pela Chapa 2 é a ampliação dos cursos ofertados pela ESA. “Entendemos que o importante papel da ESA na formação continuada do profissional da advocacia deve ir além da oferta de cursos de atualização e matérias do Direito. É necessário preparar o advogado para os desafios da carreira, oferecendo cursos como empreendedorismo na advocacia, gestão de escritórios e até marketing pessoal. Nosso compromisso é para que a ESA oferte, regularmente, cursos de ética na advocacia e de prerrogativas profissionais”, completou.

Para Lany, que é de Arapiraca, o resgate da OAB precisa principalmente de ação conjunta. “A força de uma OAB atuante em suas prerrogativas na defesa de advogadas e advogados é um desafio árduo e que exige a união por ideias de mulheres e homens dispostos a construir juntos um ambiente harmônico, respeitosos e produtivo para o exercício da advocacia em Alagoas”.

Pensando neste advogado que, assim como Claudia, é do interior do estado, a candidatura da chapa propõe a interiorização dos cursos regulares da ESA. “Os advogados que atuam no interior alagoano sentem-se desamparados pela ausência e cursos de aperfeiçoamento profissional. Pretendemos realizar cursos, palestras e seminários gratuitos nas cidades-sede das Subseções, para democratizar o acesso a esses eventos de fundamental importância para a formação intelectual do advogado alagoano”, finaliza Lany.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com