quarta-feira, 21 de novembro de 2018

Notícias

In:

Tribunal de Mianmar condena dois jornalistas a 7 anos de prisão

Um tribunal do Mianmar sentenciou dois jornalistas da agência de notícias Reuters a sete anos de prisão por posse ilegal de documentos oficiais na madrugada desta segunda-feira, 3. A decisão ocorre em meio a críticas crescentes da comunidade internacional contra os supostos abusos de direitos humanos cometidos pelos militares do país contra a população muçulmana rohingya.

Os jornalistas Wa Lone e Kyaw Soe Oo se declararam inocentes de violar o Ato de Segredos Oficiais, lei que data da era colonial do país, cuja violação pode resultar em até 14 anos de prisão. Os profissionais alegaram ter sido enquadrados pela polícia.

Eles estavam realizando reportagens, no ano passado, sobre a brutal repressão contra os rohingya no Estado de Rakhine, região oeste do país.

Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com