domingo, 21 de outubro de 2018

Notícias

In:

Agricultura de precisão é passado; desafio é digitalização, diz Paulo Hermann

O presidente da fabricante de máquinas agrícolas John Deere Brasil, Paulo Hermann, disse na manhã deste sábado (22), na abertura do 7º Fórum Lide de Agronegócios, em Ribeirão Preto (SP), que a agricultura de precisão “é passado”, pois a tecnologia já está incorporada ao setor. O desafio, de acordo com o executivo, é facilitar a captação e a análise dos dados obtidos pelas máquinas no campo.

“Agricultura de precisão não se discute mais; os satélites estão aí, as máquinas operam sozinhas, é fato consumado. O que trabalhamos nesse momento é a digitalização da agricultura”, disse. “Entre os desafios para a digitalização funcionar adequadamente está a conectividade; temos de estar online e é preciso levar o 4G ao campo, senão as máquinas produzirão lixo”, completou.

Outro desafio, de acordo com Hermann, é a analise futura de dados captados nas lavouras por máquinas conectadas “porque senão serão apenas números”. O presidente da John Deere Brasil citou também a progressiva automação das máquinas agrícolas – hoje 80% das novas já possuem piloto automático. “O futuro é automação total, quando o operador sairá da máquina e passará ao gerenciamento”, concluiu.

Autor: Gustavo Porto
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com