quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Notícias

In:

2,3 milhões de pesssoas deixaram Venezuela desde junho fugindo da crise, diz ONU

A Organização das Nações Unidas (ONU) disse nesta terça-feira estimar que, desde junho, 2,3 milhões de venezuelanos fugiram da crise que assola o país, principalmente para a Colômbia, o Equador, o Peru e o Brasil.

O porta-voz da ONU Stephane Dujarric afirmou a repórteres que os emigrantes, cerca de 7% da população de 32,8 milhões de pessoas da Venezuela, citam falta de alimentos como a principal razão para deixar a nação sul-americana. Oficiais humanitários da entidade relatam que 1,3 milhão entre os que fugiram estavam “sofrendo de má nutrição”, acrescentou Dujarric.

Um dos principais produtores de petróleo do mundo, a Venezuela tem afundado cada vez mais em uma crise política e econômica. Hiperinflação e a escassez de alimentos e medicamentos estão castigando o país, e o Fundo Monetário Internacional (FMI) projeta que a inflação possa superar 1.000.000% até o fim do ano. (Associated Press)

Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com