sábado, 22 de setembro de 2018

Notícias

In:

Parlamento da França rejeita moções contra Macron por escândalo de guarda-costas

A Assembleia Nacional da França, a câmara baixa do Parlamento do país, rejeitou nesta terça-feira duas moções de censura contra o governo do presidente Emmanuel Macron protocoladas na esteira do escândalo desencadeado pela divulgação de um vídeo em que o ex-assessor de segurança do Palácio do Eliseu Alexandre Benalla aparece trajando acessórios de uso exclusivo da polícia e espancando um manifestante em protestos pelo dia de 1º de Maio.

À época, a Presidência e a chefia da polícia tomaram conhecimento das ilegalidades do jovem guarda-costas, mas aplicaram apenas punições leves a Benalla e decidiram acobertar o caso, redescoberto recentemente pelo jornal Le Monde.

Hoje, Macron foi alvo de propostas de moção de censura de parlamentares tanto da direita quanto da esquerda, mas a ampla maioria mantida pelo seu partido centrista A República Em Marcha (LREM, na sigla em francês) derrubou ambas com facilidade, com diferenças de mais de 100 votos, informa a Assembleia Nacional em sua conta no Twitter.

Autor: Nicholas Shores
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com