sexta-feira, 14 de dezembro de 2018

Notícias

In:

CSA vence Boa Esporte e assume liderança provisória da Série B

Por Redação com Terra
CSA vence Boa Esporte (Gustavo Henrique - CSA)

CSA vence Boa Esporte (Gustavo Henrique – CSA)

Neste sábado, o CSA fez o dever de casa e conquistou uma importante vitória na busca pela liderança da Série B do Campeonato Brasileiro. No Estádio Rei Pelé, pela quinta rodada da competição, o time alagoano bateu o Boa Esporte, por 1 a 0, em jogo complicado e assumiu a ponta da tabela de maneira provisória. Didira foi o artilheiro do dia.

Como dito, o Azulão subiu para a primeira colocação, chegando a 12 pontos ganhos. No entanto, depende de tropeços de Vila Nova e Fortaleza, que ainda jogam nesta rodada, para confirmar a liderança. O Boa, por sua vez, segue sem conquistar um ponto sequer nesta Série B do Brasileirão. São cinco derrotas em cinco jogos para os mineiros, que estão na lanterna do campeonato.

O Jogo

Como esperado, o CSA tomou a iniciativa do jogo desde o primeiro minuto, pressionando o Boa Esporte em seu campo de defesa. Fechado atrás, o time visitante apostou em contra-ataques para tentar surpreender o adversário e, por sinal, foi quem teve as melhores oportunidade para abrir o placar no primeiro tempo.

Aos sete minutos, William Barbio recebeu no círculo central e esticou um belo passe em profundidade para Douglas Baggio. Nas costas da zaga, o meia arrancou sozinho, invadiu a área, mas pecou na hora da finalização. Não tirou o suficiente de Cajuru e facilitou a defesa por parte do goleiro.

Cajuru voltou a aparecer aos 23 minutos. O arqueiro do time da casa mostrou segurança ao defender o chute de Machado, que arriscou de fora da área, buscando o ângulo direito.

Já nos acréscimos, o Boa voltou a assustar. Após bate-rebate na área do CSA, Thallyson escorou para o gol. No entanto, o zagueiro Xandão apareceu para travar. Na sobra, Alyson tentou, mas Xandão voltou a colocar o pé na bola e afastou o perigo, salvando o time alagoano.

Mas como o futebol é ingrato, tudo que o time mineiro fez no primeiro tempo foi por água abaixo logo no primeiro minuto após o intervalo. Os donos da casa, que até então não haviam oferecido qualquer perigo ao gol de Fabrício, abriram o placar na primeira oportunidade que tiveram na etapa final. Ferrugem bateu a carteira de Thallyson e enfiou bela bola para Didira, que invadiu a área e não perdoou.

O Boa passou a correr atrás do resultado e quase empatou aos 19. Thallyson aproveitou rebote da zaga alagoana e, dentro da área, bateu com o pé direito. Porém, não pegou em cheio na bola e Cajuru fez uma boa defesa.

O CSA passou a esfriar a partida e, inclusive, perdeu a chance de sacramentar o triunfo aos 41 minutos. Walter acertou um ótimo lançamento para Hugo Cabral, que tentou encobrir o goleiro Fabrício, mas acabou fracassando e desperdiçando a oportunidade.

Se a situação do Boa Esporte já era difícil com 11 jogadores em campo, com um a menos ficou pior ainda. Já nos acréscimos Arthur Jesus recebeu cartão vermelho ao acertar um pisão em Niltinho e foi para o chuveiro mais cedo.

Confira outros resultados da Série B neste sábado:

Figueirense 0 x 1 Avaí

São Bento 1 x 0 Oeste

19h – Fortaleza x Goiás

Compartilhe:
Tags: ,,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com