sábado, 20 de outubro de 2018

Notícias

In:

Nos pênaltis, Vitória elimina Internacional e está nas oitavas da Copa do Brasil

O Vitória surpreendeu o Internacional e está classificado para as oitavas de final da Copa do Brasil. Nesta quinta-feira, a equipe baiana recebeu o time gaúcho no estádio Barradão, em Salvador, e venceu por 1 a 0. O resultado levou a decisão para os pênaltis e brilhou o goleiro Caíque, defendendo duas cobranças, no triunfo por 4 a 3.

O jogo de ida, em Porto Alegre, terminou com a vitória dos gaúchos por 2 a 1. Como não há mais regra do gol qualificado na Copa do Brasil, qualquer triunfo dos baianos por um gol de diferença seria suficiente para levar a decisão para as penalidades.

Classificado, o Vitória espera o sorteio que acontece nesta sexta-feira para conhecer o seu próximo adversário. Além das cinco equipes classificadas na quarta fase da Copa do Brasil, as oitavas de final contam com os oito times que disputam a Copa Libertadores, além do América-MG, campeão da Série B, o Luverdense, campeão da Copa Verde, e o Bahia, campeão da Copa do Nordeste.

O primeiro tempo foi de poucos lances de perigo, com as duas equipes travando um duelo parelho na marcação no meio de campo. Precisando do resultado, o Vitória era mais presente no campo de ataque, enquanto que o Internacional buscava contragolpes na velocidade de Willian Pottker e do uruguaio Nico López.

Na melhor chegada do Internacional, Iago tentou encobrir Caíque, que defendeu. No rebote, Nico López também parou em defesa do goleiro do Vitória. O time da casa respondeu em jogada de Rhayner, que Denilson finalizou. A bola desviou na defesa gaúcha e passou raspando a trave de Marcelo Lomba.

Na segunda etapa, o time da casa seguiu buscando o gol que levaria a decisão para os pênaltis e passou muito perto aos 19 minutos, quando Yago cruzou para Denilson desviar na trave.

De tanto insistir, o Vitória abriu o placar aos 35 minutos, em cobrança de pênalti. Iago derrubou Denilson dentro da área e o árbitro paranaense Rafael Traci apontou para a marca da cal. Neilton bateu bem, deslocando Marcelo Lomba, e marcou o gol que levou a decisão para as penalidades.

A disputa começou com Camilo convertendo para o Internacional e Denilson empatando. Na sequência, Nico López e Nickson pararam em defesas de Caíque e Marcelo Lomba, respectivamente. Gabriel Dias, do time gaúcho, também parou no goleiro baiano e Uillian Correia deixou o Vitória em vantagem.

Os próximos batedores converteram seus chutes. Fabiano e Patrick marcaram para o Internacional, enquanto que José Welison fez para o Vitória e Neilton, autor do gol no tempo normal, fechou a disputa com mais uma bola na rede, garantindo a classificação.

Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com