segunda-feira, 22 de Abril de 2019

Notícias

In:

Projeto de reajuste que aumenta taxa de iluminação pública em Arapiraca foi retirado da pauta

Por Roberto Gonçalves
No documento, o prefeito Rogério Teófilo alega que as alíquotas da contribuição estão defasadas desde o ano de 2005.

No documento, o prefeito Rogério Teófilo alega que as alíquotas da contribuição estão defasadas desde o ano de 2005.

A revolta e a indignação da população de Arapiraca contra o projeto do prefeito Rogério Teófilo (PSDB) que altera as alíquotas da contribuição para custeio de iluminação pública (Cosip) foi demostrada através das redes sociais e nas mensagens do povo encaminhada aos programas jornalísticos e Mesa Diretora da Câmara Municipal juntamente com a bancada de apoio ao executivo decidiu na sessão desta terça-feira (19) retirar o projeto da pauta.

O projeto polêmico deve voltar para discussão e aprovação no próximo ano. A matéria foi encaminhada em regime de urgência, pelo prefeito. Outros projetos de interesse do executivo chegaram horas antes da sessão ordinária não oferecendo tempo suficiente para apreciação pelas comissões da Casa, aprovação na última sessão do ano a exemplo do projeto de gestão democrática que chegou as 14 h desta terça-feira (19). “É impossível ler, discutir e aprovar, reclamou Moisés Machado. Na sessão foi aprovado o orçamento para o exercício de 2018, estimado em 837 milhões.
No documento, o prefeito Rogério Teófilo alega que as alíquotas da contribuição estão defasadas desde o ano de 2005. Ainda em sua justificativa, o prefeito afirma a necessidade de realinhamento das alíquotas e que a atualização somente acarretaria em aumento para 6,83% dos consumidores em Arapiraca.

Os vereadores Moisés Machado (PDT) Ricardo Nezinho (PMDB) Léo Saturnino (PMDB) Fábio Henrique (PCdoB) e Sergio do Sindicato (PPS) j anunciaram previamente que não aprovariam o projeto. Para o vereador Moisés Machado a matéria é absurda e vai sacrificar ainda mais a população que vem sendo alvo de uma alta carga tributária além da inflação de combustíveis, gás liquefeito de petróleo (GLP) e alimentos desabafou Moisés Machado pela sua posição contraria a aprovação.
Destacou trabalho da imprensa

Em seu pronunciamento na sessão desta terça-feira (19) o vereador Léo Saturnino (PMDB) destacou o trabalho da imprensa local que motivou um grande número de mensagens encaminhadas as emissoras de rádio nos programas jornalísticos. O vereador Rogério Nezinho (PMDB) afirmou que a bancada de oposição não vai esmorecer e vai mobilizar a população para se conscientizar pela não aprovação desse projeto que penaliza a população arapiraquense com mais impostos.

O projeto de aprovado vai triplicar o tributo e prejudicar a sociedade arapiraquense. Os cinco vereadores, Léo Saturnino,, Moisés Machado, Fábio Henrique, Sergio do Sindicato e Rogério Nezinho são favoráveis a realização de uma audiência pública e uma ampla discussão com a população sobre o projeto em 2018.

Para o vereador Sergio do Sindicato, no momento de crise que toda a nação brasileira atravessa é inadmissível aprovar um projeto que vai sacrificar ainda mais a população. No seu entender, esse projeto deveria ser retirado totalmente de discussão e não merece ser aprovado. No seu entender a gestão do prefeito Rogério Teófilo não teve nenhum avanço no seu primeiro ano. “Não dar para parabenizar o prefeito é um homem de bem, no entanto como gestor não corresponde com os anseios da população” desabafou. A gestão de Rogério Teófilo deve ser transparente conforme o seu discurso de campanha, completou o vereador.

Vereadores situacionistas defendem o projeto de reajuste

Todos os 12 vereadores que integram a base de sustentação do prefeito Rogério Teófilo defenderam o projeto de reajuste da tarifa de iluminação pública como uma necessidade de ajuste. O vereador Melquizedeque Oliveira, afirmou que o projeto será aprovado e que vai votar favorável. No seu entender, a decisão de retirar o projeto da pauta este ano não foi motivado pela pressão da imprensa e sim através de uma decisão do prefeito Rogério Teófilo e da sua bancada de sustentação política.

Compartilhe:
Tags: ,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com