quarta-feira, 19 de setembro de 2018

Notícias

In:

Governador do RN transfere controle de segurança para o Exército

Por MSN
© Valter Campanato/ Agência Brasil Com isso, toda a responsabilidade pelas ações das forças estaduais de segurança passa a ser do Exército, que lidera a Operação Potiguar III

© Valter Campanato/ Agência Brasil Com isso, toda a responsabilidade pelas ações das forças estaduais de segurança passa a ser do Exército, que lidera a Operação Potiguar III

O controle operacional dos órgãos de Segurança Pública do estado do Rio Grande do Norte foi transferido para o general de brigada Ridauto Lúcio Fernandes, do Exército brasileiro. O decreto, realizado pelo governador, Robinson Faria (PSD), foi publicado no Diário Oficial do Estado deste sábado (30).

Com isso, toda a responsabilidade pelas ações das forças estaduais de segurança também passa a ser do Exército, que lidera a Operação Potiguar III. A medida vale até o dia 12 de janeiro.

Apesar da presença do Exército, a capital teve uma noite violenta, com assaltos, roubos e confronto armado entre facções criminosas. Como argumento para a transferência do controle operacional, o governador considerou a paralisação das atividades dos policiais militares e civis que gerou “insegurança e transtornos à população do Estado”.

Segundo o ‘G1’, policiais e bombeiros militares do Rio Grande do Norte estão parados desde a última terça-feira (19). Policiais civis trabalham em regime de plantão desde o dia 20 de dezembro. As categorias reivindicam, além de melhores condições de trabalho, o pagamento dos salários e 13º.

A paralisação das polícias gerou uma onda de crimes em várias cidades do estado. Assaltos, arrombamentos e arrastões se repetem diariamente. Em 10 dias, foram registrados mais de 500 casos somente na Grande Natal.

 

Compartilhe:
Tags: ,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com