sábado, 17 de novembro de 2018

Notícias

In:

Monitor da Seca aponta mudanças no semiárido após o inverno

Por Débora Rosset
Segundo o monitor, o período de inverno em Alagoas contou com fortes chuvas, ocasionando mudanças significativas nas regiões caracterizadas pela seca

Segundo o monitor, o período de inverno em Alagoas contou com fortes chuvas, ocasionando mudanças significativas nas regiões caracterizadas pela seca

A Sala de Alerta da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) disponibilizou o relatório do monitoramento da seca na região Nordeste, obtido junto à Agência Nacional de Águas (ANA), durante o período de inverno.

Uma das atribuições dos meteorologistas que compõem a Sala de Alerta é de acompanhar o fenômeno da estiagem na região nordestina, incluir dados no Monitor da Seca e evidenciá-los para a Defesa Civil Estadual. Posteriormente, as informações são repassadas às defesas civis municipais.

Segundo o monitor, o período de inverno em Alagoas contou com fortes chuvas, ocasionando mudanças significativas nas regiões caracterizadas pela seca. Em Alagoas, segundo a Sala de Alerta, a estiagem já durava cinco anos.

“Com a mudança deste cenário, os impactos da seca foram diminuindo, enquanto que as reservas hídricas foram abastecidas”, destacou o meteorologista da Semarh, Vinícius Pinho.

Durante a análise feita nas regiões de Alagoas, também foi observada a condição do solo. Graças às chuvas, é possível avistar uma vegetação saudável e um semiárido mais verde.

Todas as informações do Monitor de Seca estão disponíveis no site www.semarh.al.gov.br. Basta clicar em acompanhamento da Seca em Alagoas e acessar o tópico “Relatório das condições climáticas e hídricas do inverno de 2017 em Alagoas”.

Compartilhe:
Tags: ,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com