quinta-feira, 23 de Janeiro de 2020

Notícias

In:

Show abre comemorações do Bicentenário de Emancipação Política

Por Redação com Agência Alagoas

Para dar o pontapé inicial nas comemorações do Bicentenário de Emancipação Política de Alagoas, o Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), promoveu uma super festa em um palco especial montado no Posto 7. O Réveillon 2017 abriu os festejos dos 200 anos com uma vasta programação musical que agitou milhares de pessoas que passaram a virada do ano  na orla de Jatiúca, em Maceió.

Foram dez artistas locais que iniciaram a festa, cantando músicas compostas por alagoanas e que também que versam sobre o estado. Macleim, Naná Martins, Luiz de Assis, Eliezer Setton, Tião Marcolino, Ádla Costa, Júnior Almeida, Wado, Andrea Laís e Kel Monalisa fizeram o público se emocionar com canções que despertaram o sentimento de alagoanidade.

Foram dez artistas locais que iniciaram a festa cantando músicas compostas por alagoanos e que também versam sobre o Estado. Macleim, Naná Martins, Luiz de Assis, Eliezer Setton, Tião Marcolino, Ádla Costa, Júnior Almeida, Wado, Andrea Laís e Kel Monalisa fizeram o público se emocionar com canções que despertaram o sentimento de alagoanidade.

Maclein, Wado, Júnior Almeida e Kel Monalisa apresentaram composições próprias; Eliezer Setton, além de uma música de sua autoria, interpretou o Hino de Alagoas, receita seguida por Luiz de Assis, em tributo ao “mestre Djavan”; Tião Marcolino também somou a uma composição própria o “clássico” Saudades de Maceió. Já Adlla Costa homenageou o pai, compositor Marcondes Costa, com duas músicas (parcerias dele com Gustavo Gomes e Marcos de Farias Costa), Andrea Laís trouxe ao palco uma emocionante interpretação de Jacinto Silva, enquanto Naná Martins manteve-se fiel às composições de matriz afrobrasileira.

“Me senti muito honrada em fazer parte desse show lindo, com uma banda maravilhosa e produção impecável. Foi um grande encontro de gente talentosa, cantando o amor pelo nosso lugar”, declarou a cantora Kel Monalisa.

A contagem regressiva para a virada do ano ficou por conta do grupo de música eletrônica Maybe 2 Live. A festa adentrou a madrugada com a animação do samba da Orquestra Cai Dentro.

“As apresentações foram muito boas. Assisti ao espetáculo ao lado da minha família, tudo muito tranquilo. Foi ótimo participar deste momento tão importante para o Alagoas”, disse a jornalista Julianne Leão.

Para a secretária Mellina Freitas, o show deu o tom das comemorações do bicentenário. “Abrimos o ano do bicentenário com o pé direito, levando muita cultura e boa música para os alagoanos. Esta foi apenas uma demonstração de toda uma programação que está sendo preparada para todo ano”, afirmou.

Compartilhe:
Tags: ,,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com