quinta-feira, 22 de agosto de 2019

Notícias

In:

Mais de 68 mil iraquianos abandonaram suas casas em Mossul

Por Redação com G1

Mais de 68 mil pessoas tiveram de abandonar suas casas em Mossul desde o início, há cinco semanas, da grande ofensiva para reconquistar a segunda cidade do Iraque das mãos do grupo Estado Islâmico (EI), informou a ONU.

O Escritório das Nações Unidas para Ajuda Humanitária (Ocha) afirmou ainda, em um comunicado, que essas pessoas precisam de assistência urgente.

O Ocha afirmou que está cada vez mais complexo responder às necessidades humanitárias da população desde o início, em 17 de outubro, da ofensiva contra Mossul, já que as necessidades variam, segundo os diferentes grupos de civis.

A maioria das estimativas cifram em um milhão o número de civis sitiados em Mossul, mas é impossível dar uma cifra precisa depois de mais de dois anos de controle dos extremistas na região.

No início da ofensiva, autoridades temiam que um milhão ou mais de pessoas fossem forçadas a deixar a cidade, segundo a CNN. Estimativas apontam que 3,3 milhões iraquianos foram deslocados desde 2014 por causa da guerra.

Compartilhe:
Tags: ,,,,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com