sábado, 07 de dezembro de 2019

Notícias

In:

Peritos de AL e do RN fazem intercâmbio por aprimoramento

Por Redação com Agência Alagoas
Identificação veicular ajuda na investigação de crimes. Foto: Divulgação

Identificação veicular ajuda na investigação de crimes. Foto: Divulgação

A Perícia Oficial do Estado de Alagoas (Poal), por intermédio do Instituto de Criminalística, está realizando mais uma semana de intercâmbio com profissionais de outros Estados. A troca de experiências de exames de identificação veicular faz parte da política adotada pelo órgão de aperfeiçoamento e expansão dos conhecimentos especializados na área de perícia criminal.

De acordo com perito geral, Manoel Melo, o Instituto de Criminalística de Alagoas está recebendo a visita do perito criminal André da Rocha, do Instituto Técnico e Cientifico de Policia (Itep), da Secretaria de Segurança Pública e da Defesa Social, do Estado do Rio Grande do Norte.

A ideia é aprimorar técnicas utilizadas na realização de exames que permitem o reconhecimento de veículos adulterados, furtados, roubados ou que foram utilizados em outros crimes.

“A área forense é muito ampla, por isso, precisamos constantemente nos qualificar para alcançar um alto nível de excelência, adquirindo e multiplicando esses conhecimentos, pois, enquanto peritos temos que trabalhar incansavelmente na busca de provas irrefutáveis nos mais variados tipos de crimes, contribuindo com as investigações policiais, e o poder judiciário, buscando a diminuição da impunidade”, afirmou Manoel Melo.

Segundo Nivaldo Cantuária, chefe de Perícias de Identificação Veicular, o diferencial desse intercâmbio é que ele será totalmente prático. Ele juntamente como o perito André da Rocha do Rio Grande do Norte realizarão vários exames em delegacias da capital e do interior do Estado, e assim eles poderão interagir, tirar dúvidas e conhecer às técnicas que cada um utiliza nesse tipo de exame pericial.

Para o perito André da Rocha, a experiência de interação será de extrema importância para os profissionais dos dois Estados.

“O intercâmbio servirá para o aprimoramento profissional dos servidores, de modo a refletir na melhoria dos serviços periciais relativos à identificação veicular, prestados as sociedades alagoana e norte-rio-grandense”, afirmou o perito visitante.

O chefe especial do Instituto de Criminalística, perito criminal José Cavalcante, destacou que esse tipo de intercâmbio é o segundo realizado só este mês. Na semana passada, duas peritas criminais do Estado de Sergipe estiveram no IC alagoano, onde passaram por um treinamento exitoso no laboratório de balística.

Compartilhe:
Tags: ,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com