segunda-feira, 19 de novembro de 2018

Notícias

In:

Campo Alegre recebe ‘Dia de Campo’ nesta terça-feira (4)

Por Redação com Agência Alagoas
Governo de Alagoas promove nesta terça-feira (4) segundo Dia de Campo sobre a Soja. (Foto: Reprodução)

Governo de Alagoas promove nesta terça-feira (4) segundo Dia de Campo sobre a Soja. (Foto: Reprodução)

Com a participação de técnicos, produtores, fornecedores de máquinas e fertilizantes, instituições bancárias oficiais e o sistema produtivo como um todo, o Governo de Alagoas, por intermédio da Secretaria da Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura (Seagri), promove nesta terça-feira (4) de outubro, na Fazenda Ribeira, no município de Campo Alegre, o segundo Dia de Campo sobre a Soja.

A área cultivada, de propriedade do engenheiro agrônomo Geraldo Tenório, era tradicionalmente plantada com cana de açúcar e atualmente mantém 200 hectares, diversificando a cultura e tendo uma excelente adaptabilidade da cultura da soja na região, em área de renovação da cana.

Como informa o superintendente do Desenvolvimento Agropecuário da Seagri, Hibernon Cavalcante, atualmente a área vem cultivando cinco variedades de soja e,  apesar das dificuldades climáticas, a produção tem obtido sucesso, atingindo entre 30 a 40 sacas por hectare, dependendo da variedade. “Poderia ter uma produtividade ainda maior, desde que a distribuição de chuvas fosse regular”, reconhece o técnico da Seagri.

Segundo Cavalcante, apesar das adversidades climáticas, a cultura vem se mostrando uma opção interessante do ponto de vista econômico e de índice de produtividade. “A soja se casa muito bem em área de renovação de cana, por deixar resíduo da matéria orgânica e também fixar nitrogênio ao solo”.

Para o secretário de Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura, Álvaro Vasconcelos, o apoio e o incentivo que o Governo de Alagoas vem oferecendo aos produtores de soja nos municípios de Campo Alegre e em Porto Calvo tem sido de fundamental importância para o incremento da cultura nas duas regiões de Alagoas.

“A prioridade que o governador Renan Filho tem dado à área da agricultura vai possibilitar a implantação de políticas públicas e, consequentemente, incentivar a produção, gerando emprego e renda para o homem do campo”, assegura o secretário Álvaro Vasconcelos.

Em 2015, a produção de soja da Fazenda Ribeira foi exportada para a Rússia e a meta para este ano é que a soja também seja comercializada no Brasil, principalmente nos estados do Nordeste, a exemplo de Pernambuco e Piauí. A perspectiva para este ano é uma produção em torno de 650 toneladas.

 

 

 

Compartilhe:
Tags: ,,,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com