sexta-feira, 15 de novembro de 2019

Notícias

In:

Alagoas ainda não teve redução no combustível

Por Redação com G1

Maceió ainda não sentiu reflexo da redução nos preços dos combustíveis, anunciada pelaPetrobras na última sexta-feira (14), de 2,7% para o diesel e 3,2% para a gasolina nas refinarias. Com a mudança, a expectativa era de que o valor nas bombas sofresse alteração nesta segunda (17).

A reportagem do G1 visitou sete postos na capital, e todos ainda trabalhavam com os valores praticados na semana passada, uma média de R$ 3,75 para o litro da gasolina, e de R$ 3 para o diesel.

A redução nas refinarias entrou em vigor no último sábado (15). De acordo com a petroleira, se a redução aplicada na refinaria for integralmente repassada ao consumidor final, na bomba dos postos, o preço do litro do diesel ou da gasolina teria uma queda de R$ 0,05.

Segundo os responsáveis pelos postos decombustíveis na capital alagoana, se houver alguma alteração nas bombas, isso só deve acontecer quando as empresas realizarem novas compras nas refinarias, já que muitos estabelecimentos continuam com o estoque antigo.

Em quatro dos sete postos visitados pela reportagem, os responsáveis disseram que estão aguardando a compra de um novo estoque para saber se essa diminuição será repassada ao consumidor. Eles dizem que ainda não dá para avaliar qual será o impacto da redução autorizada pela Petrobras.

Preço final para o consumidor vai ser definido pelas distrubuidoras (Foto: Roberta Cólen/G1)

“Nós vamos realizar a compra nesta semana, se vier a alterar [o preço do combustível], será na quarta ou na quinta. Então vamos aguardar para ver se este valor vai diminuir de fato”, explicou o gerente de um dos postos, Sérgio Alves.

Eu outro estabelecimento, o responsável pelo local informou que a alteração vai depender dos outros postos. “Nós vamos esperar para ver o preço que está sendo praticado nos outros postos, se o valor começar a baixar, vamos fazer alteração também, mas até agora não temos como prever essa baixa no preço”, disse o chefe de pista John Lennon.

Mesmo que a redução seja sentida nas bombas, os motoristas não acreditam que a diferença no valor total será significativa, como avalia a administradora Daniela Costa. “Soube que haveria essa redução, mas não acho que isso vai interferir em muita coisa. Pelo que vi, vai ser uma redução muito pequena”, disse.

O desenvolvedor de sistema Luíz Paulo soube da redução, mas também não tem grandes expectativas. “Essa redução não vai mudar em nada, se fosse algo em torno de R$ 0,50 seria uma redução considerável, mas da forma que está, não acho que será relevante”.

A assessoria do Sindicato do Comércio Varejista e Derivados do Petróleo no Estado de Alagoas (Sindi combustíveis-AL) informou que mesmo com a redução informada pela Petrobras, a entidade não tem como se pronunciar, pois o mercado é livre e os empresários praticam os preços da forma que acharem melhor. Desta forma, não há como prever se haverá uma redução do valor.

Compartilhe:
Tags: ,,,,,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com