segunda-feira, 16 de setembro de 2019

Notícias

In:

Nova liberação deverá beneficiar mais produtores de leite de Piaçabuçu

Por Redação com Agência Alagoas
Novo crédito que está sendo analisado totaliza um investimento de mais de R$ 60 mil que serão utilizados, entre cinco produtores, para a compra de animais e aquisição de uma ordenha mecânica. Ascom Desenvolve

Novo crédito que está sendo analisado totaliza um investimento de mais de R$ 60 mil que serão utilizados, entre cinco produtores, para a compra de animais e aquisição de uma ordenha mecânica. Ascom Desenvolve

A Agência de Fomento de Alagoas (Desenvolve) está em processo de avaliação de um novo recurso para produtores de leite do município de Piaçabuçu, no litoral Sul de Alagoas. Para a mesma região, no ano passado, a agência liberou outros 20 contratos que totalizaram R$ 132 mil que favoreceram a melhoria dos lucros dos pequenos produtores.

O novo crédito que está sendo analisado totaliza, desta vez, um investimento de mais de R$ 60 mil que serão utilizados, entre cinco produtores, para a compra de animais e aquisição de uma ordenha mecânica.

Toda a produção de leite é encaminhada à cooperativa Pindorama, em Coruripe, assegurando o escoamento do produto e a sobrevivência de inúmeras famílias. Antonio Machado é um dos produtores que pleiteiam nesse momento o recurso. Ele possui, atualmente, 14 animais e sua produção diária é de 150 litros de leite.

Além da compra de mais uma vaca leiteira, seu Antonio pretende investir na compra de uma ordenha mecânica para melhorar a qualidade final do leite ordenhado. “Além de acelerar o processo de ordenhamento, este sistema, que simula a mamada do bezerro, ajuda a diminuir o manuseio do produto pelo ser humano, reduzindo a possibilidade de contaminação”, afirmou o produtor.

Com a liberação do crédito, por meio da linha Cadeia de Leite, com prazo para pagamento de até 18 meses e taxas que variam de 1% a 1,2%, os beneficiários poderão receber também orientação de como investir adequadamente os valores acessados.

Para Rafael Brito, presidente da Desenvolve, a oferta de recursos a esses pequenos produtores de leite, por intermédio do Governo do Estado, além de ser uma forma de assegurar a manutenção dos pequenos negócios, é uma maneira eficaz de transferir aos produtores a certeza de que eles podem contar com a atual administração pública estadual para sua sobrevivência e de suas famílias.

Compartilhe:
Tags: ,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com