domingo, 26 de Maio de 2019

Notícias

In:

Ações aproximam microempreendedores do Governo

Por Redação com Agência Alagoas
Comércio do interior é muito beneficiado com créditos da Desenvolve. Fotos: Ascom Desenvolve

Comércio do interior é muito beneficiado com créditos da Desenvolve. Fotos: Ascom Desenvolve

Todos os dias, novos pedidos de liberação chegam até à Agência de Fomento do Estado (Desenvolve) para serem avaliados vindos de todas as partes de Alagoas. O que impressiona a equipe da agência é a credibilidade que o Governo do Estado está conquistando com essas ações de fomento.

No momento de crise que atravessa o país, alagoanos dos mais variados municípios depõem positivamente sobre o empenho do governador Renan Filho em ajudar com crédito facilitado os pequenos empreendedores e produtores rurais.

O exemplo do proprietário de uma loja de vestuário de Inhapi, no alto Sertão, André Silva, que junto com sua esposa Sônia Nunes, comercializam roupas há quatro anos, enche de alegria quem faz a Desenvolve. Segundo o casal, a gestão anterior sequer tomava conhecimento da realidade dos pequenos negócios do interior, muito menos tinham iniciativas para colaborar com sua sobrevivência.

A opinião é compartilhada por outros negociantes e produtores rurais de municípios como Santana do Ipanema, Poço das Trincheiras e Palmeira dos Índios, visitados somente na semana passada, além de Inhapi, pelos agentes de crédito da agência.

A visita registrada nos quatro municípios gerou uma análise de recursos da ordem de R$ 328 mil para auxílio de negócios do comércio local. São pequenas iniciativas comerciais que ajudam a girar a economia e a manter milhares de famílias com a compra e venda de artigos do lar, confecções, alimentos e diversas prestações de serviços.

No caso de seu André, por exemplo, ele está pleiteando R$ 9 mil para compra de mais mercadorias para sua loja. Se aprovada, a liberação ocorrerá através da linha Microcrédito Desenvolve BNDES, com taxa de 1,2% ao mês e pagamento em 18 meses.

André elogiou o esforço do Governo do Estado em ofertar auxílio financeiro subsidiado e sem burocracia para o povo alagoano.

“Sabemos agora que podemos contar com o governo e tentar resgatar, cada um de nós comerciantes, a economia da nossa cidade e a nossa própria sobrevivência”, frisou André Silva.

Todas as liberações solicitadas na semana passada estão em fase de avaliação para posterior aprovação em comitê de crédito. São onze microempreendedores individuais (MEIs) e quatro microempreendedores (MEs) que pretendem, com o recurso em mãos, ampliarem seus comércios, contratar funcionários e, em contrapartida, fortalecer a economia local.

Rafael Brito, presidente da Desenvolve, apontou a atuação do Governo de Renan Filho como exemplar para outros Estados que não enxergam no fortalecimento da economia de base a alternativa para a sobrevivência à crise.

“Não podemos cruzar os braços diante das dificuldades financeiras que o Brasil está sofrendo, devemos sim, como tem orientado o governador, encontrar outras vias de sobrevivência. É o que está fazendo a Desenvolve, visitando cada interior de Alagoas”, enfatizou Brito.

Compartilhe:
Tags: ,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com