quinta-feira, 18 de julho de 2019

Notícias

In:

Rio tem ventos fortes e ressaca com chegada de frente fria

Por Redação com G1

Bombeiros isolam área com ressaca no Arpoador (Foto: Matheus Rodrigues/G1)

Bombeiros isolam área com ressaca no Arpoador (Foto: Matheus Rodrigues/G1)

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), rajadas de vento muito fortes foram registrados no Forte de Copacabana, Zona Sul do Rio, na manhã dessa quinta-feira (28). Por volta das 6h, ventos de 83,5 km/h foram registrados no local. Mais cedo, por volta das 5h, os ventos chegavam a 78,5km/h.

Imagens exibidas pelo Bom Dia Rio também mostram a ressaca e o mar agitado na orla da cidade. No Arpoador, as ondas batiam no muro e a praia sumiu. Por volta das 8h25, bombeiros isolavam trechos no calçadão do Arpoador para evitar que pedestresse aproximassem do mar. Perto dali, alguns tiravam selfies com a ressaca ao fundo. No Leblon, o mar também batia forte no costão da Avenida Niemeyer. As ondas chegaram até 2,5 metros.

Impressionados com o mar agitado, muitas pessoas tentavam tirar selfies ou filmavam a água. Funcionários do Corpo De Bombeiros isolavam, por volta das 8h20, alguns acessos da praia por “motivo de segurança”.

“Estamos isolando a área para mostrar para a população que esta é uma área de risco. Como as ondas estão batendo, pedimos para que as pessoas evitem transitar nesses locais. Até pedimos para a Rioluz cortar o fornecimento de energia elétrica destes postes na orla para evitar qualquer outro acidente. As pessoas devem tirar fotos apenas atrás das faixas que estamos colocando”, alertou um dos bombeiros que cercavam a área.

Na Praia de Piratininga, em Niterói, Região Metropolitana do Rio, as fortes ondas também chegaram a destruir parte do calçadão.

Nesta quinta-feira, o tempo deve permanecer instável, devido à atuação de uma frente fria sobre todo o Estado do Rio de Janeiro. Segundo o Alerta Rio, a previsão é de predomínio de céu encoberto, com chuva fraca isolada ao longo do dia. As temperaturas estarão em declínio, sendo 25°C a máxima prevista e 17°C a mínima. Na madrugada desta quinta, a cidade registrou a madrugada mais fria do ano, com 17,9ºC.

Na quarta-feira (27), o vento forte derrubou uma árvore na Avenida Niemeyer. No momento da queda, a pista chegou a ficar completamente interditada. Até as 3h desta quinta-feira, uma faixa da via continuava fechada por causa do risco da terra ceder e o barranco cair. A árvore atingiu a ciclovia e quebrou a grade. Ninguém ficou ferido.

Praia de Piratininga atingida pela ressaca (Foto: Lenilson Paiva / Arquivo Pessoal)

Praia de Piratininga atingida pela ressaca (Foto: Lenilson Paiva / Arquivo Pessoal)

 

Compartilhe:
Tags: ,,,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com