terça-feira, 20 de novembro de 2018

Notícias

In: ,

Comunidade religiosa dá o último adeus ao Padre Odilon

Por Bernardino Souto Maior com informações e fotos de Edson Silva
Missa de corpo presente (Foto Edson Silva/Facebook)

Missa de corpo presente (Foto Edson Silva/Facebook)

Palmeira dos Índios parou hoje no sepultamento do Monsenhor Odilon Amador dos Santos.

Neste domingo pela manhã, às 8 horas foi realizada a missa de corpo presente. Após a celebração pelo Bispo Dom Dulcênio, coadjuvado pelo Dom Antonio Muniz, bispo de Maceió, o corpo de Odilon foi sepultado na Praça Bom Pastor – reservada aos Bispos, ao lado da Catedral.

Além de contar com as presenças de vários padres, procedentes de todas as paróquias de Alagoas mais de mil pessoas se fizeram presentes, superlotando a Catedral Diocesana.

O último adeus ao Monsenhor Odilon começou no sábado na missa celebrada por Padre Wendel, lotando a Catedral, onde várias coroas de flores foram enviadas por diversas entidades e pessoas da cidade, entre elas, uma da 1ª Igreja Batista de Palmeira dos Índios.

Para o Padre palmeirense Luiz Carlos, atualmente pároco da cidade mineira de Luz, lamentou a perda do monsenhor Odilon e que a igreja está perdendo um dos homens mais cultos, restando agora somente o monsenhor José Rodrigues de Araújo.

O jornalista e escritor palmeirense Pedro Oliveira, disse “minha Palmeira dos Índios amanheceu mais triste. Partiu para os braços do Senhor uma das figuras mais emblemáticas e amadas de nossa terra padre Odilon como era conhecido por todos xucurus”.

Pela rede social, o médico Sebastião Lessa comentou: “Hoje foi um dia muito triste para mim como profissional e amigo de toda família em ir a sua residência para constatar o óbito de Monsenhor Odilon, grande homem a quem Palmeira dos Índios e toda Alagoas deve homenagear esse baluarte da vida Cristã , a todos que estão sofrendo, minha família, lamenta a grande perda e nossos pêsames”.

Por sua vez, o publicitário Aloisio Alves, sobrinho do padre falecido, deu seu testemunho, afirmando: “Aos amigos de Palmeira dos Índios, Pão de Açúcar e Maceió, com muita tristeza, muita dor, informo o falecimento súbito do meu segundo pai, meu grande amigo e conselheiro espiritual, Monsenhor Odilon Amador”.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com