terça-feira, 17 de setembro de 2019

Notícias

In:

Trabalhadores rurais encaminham pautas e Governo se compromete em resolvê-las

Por Ivan1
Luciano Barbosa pontuou atenção especial do Governo para a agricultura familiar. (Foto: Ailton Cruz)

Luciano Barbosa pontuou atenção especial do Governo para a agricultura familiar. (Foto: Ailton Cruz)

O governo de Alagoas deixou claro mais uma vez que as demandas do homem do campo terão vez. O vice-governador Luciano Barbosa, nesta quarta-feira, 20, foi enfático ao confirmar que dentro das secretarias de Estado haverá um esforço extra para solucionar as demandas dos movimentos agrários. Acompanhado do secretário-chefe do Gabinete Civil, Fábio Farias, Barbosa assegurou que ações voltadas para mulheres e jovens terão prioridade.
A Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Alagoas (Fetag) reuniu-se com os representantes do governo no Museu Palácio Floriano Peixoto e apresentou uma extensa pauta de reivindicações. Entre as demandas, aquisição de sementes oriundas da agricultura familiar, que, segundo o representante da Secretaria de Estado da Agricultura, Reinaldo Falcão, já foram adquiridas e devem ser distribuídas em breve.
O relacionamento dos trabalhadores rurais com o Estado será estreitado gradativamente ao ponto que os pleitos vão se resolvendo. Luciano Barbosa reforçou, por sua vez, que o trabalho com os movimentos agrários é uma política prioritária.
“Haverá todo um esforço das secretarias e do Governo para solucionar as reivindicações”, pontuou o vice-governador. Ele reforçou ainda que vão ser feitas ações voltadas para as mulheres, juventude e agricultura familiar para fomentar a permanência do homem no campo, sobretudo gerando renda e levando desenvolvimento ao interior.
Fábio Farias deu um testemunho de que reuniões assim são importantes para ouvir as necessidades dos trabalhadores rurais. “O Gabinete Civil se compromete em manter uma relação com os movimentos”, ressaltou o secretário-chefe do Gabinete Civil.
Todos os pedidos da Fetag foram comentados pelos representantes de cada instituição e devem ser analisados por cada pasta competente. O Gabinete Civil do Estado acompanha e cobra a implementação e resolução de cada demanda apresentada.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com