terça-feira, 17 de setembro de 2019

Notícias

In:

Estado atua para melhorar convivência do sertanejo com a estiagem

Por Ivan1
Secretário Alexandre Ayres falou do planejamento da pasta para as regiões do Agreste e Sertão (Foto: Nigel Santana)

Secretário Alexandre Ayres falou do planejamento da pasta para as regiões do Agreste e Sertão (Foto: Nigel Santana)

O planejamento do Governo do Estado em relação à previsão de chuvas abaixo da média nos meses de maio, junho e julho na região do Semiárido foi tema do programa CBN Maceió desta quarta (20), apresentado por Elias Ferreira. O secretário de Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Alexandre Ayres, destacou que o governo tem trabalhado de forma integrada para avançar na política de convivência com os problemas causados pela estiagem no Agreste e Sertão.
“Não podemos esperar que a situação esteja complicada para poder agir. O governador Renan Filho não pensa desta forma. Queremos ampliar o acesso das pessoas à água, porque a seca, todos os anos, tem castigado as famílias. Recebemos a previsão climática para os próximos três meses [maio, junho e julho] e reunimos a Defesa Civil Estadual e prefeitos alagoanos para informar que a secretaria disponibilizou uma máquina perfuratriz para escavação de poços”, informou o secretário, acrescentando que também será cedido dessalinizadores.
Outro assunto conversado durante a entrevista foi relacionado ao programa de Recuperação de Nascentes. O secretário de Meio Ambiente informou que na próxima sexta-feira (22) o estado vai entregar uma nascente à comunidade da Rua do Alto, beneficiando 500 famílias.
“As pessoas residentes da Rua do Alto aguardavam água própria para consumo há mais de 50 anos. Em menos de cinco meses de governo, o programa de Recuperação de Nascentes realizou todo o trabalho em prol de 500 famílias. Costumo dizer que este programa terá importante atuação durante o período de estiagem em Alagoas. Desta forma, podemos abrandar a situação de quem está com sede no Sertão”, assegurou Ayres.

Educação ambiental

Quando questionado sobre a política de resíduos sólidos, o secretário Alexandre Ayres informou que a construção do Plano Estadual e Intermunicipal de Resíduos Sólidos está sendo discutida com os municípios alagoanos. Outro ponto alto da entrevista fez alusão à educação ambiental.
“Alagoas não conta com uma política de educação ambiental. Estamos trabalhando fortemente nesta questão porque educação é prioridade deste governo. Lançamos recentemente o programa de Coleta Seletiva, destinado aos municípios, e estamos incentivando as cooperativas de catadores existentes tanto em Maceió quanto nas cidades“, afirmou o secretário de Meio Ambiente, Alexandre Ayres.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com