quinta-feira, 14 de novembro de 2019

Notícias

In: ,

Alunos da rede pública participam Olimpíada Brasileira de Astronomia

Por Ivan1

Professor Adriano Aubert orienta alunos da escola da rede estadual

Professor Adriano Aubert orienta alunos da escola da rede estadual

   Nesta sexta-feira (16), alunos de escolas públicas de todo País participam da XVII edição da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) e da 8ª edição da Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOG).Os eventos são uma iniciativa da Sociedade Brasileira Astronômica (SAB), da Agência Espacial Brasileira (AEB) e do Ministério da Educação (MEC) que, em Alagoas, conta com o apoio da Secretaria Estadual da Educação e do Esporte (SEE).
Três escolas do Centro de Pesquisa Aplicada (Cepa) participam da OBA, que acontece em todas as escolas públicas do Brasil. Participam da OBA alunos do ensino fundamental e médio das escolas estaduais Moreira e Silva, José da Silveira Camerino e Vitorino Rocha. Cada escola elegeu um professor representante que ficará responsável pelas inscrições dos alunos e os representantes de cada escola receberão as provas e um gabarito para correção. As melhores notas serão enviadas para a Universidade Federal do Rio de Janeiro.
A avaliação da Olimpíada terá a duração de quatro horas e será aplicada em quatro níveis diferentes (classificados de acordo com a série do aluno), com sete perguntas de Astronomia e três de Astronáutica. Na mostra, as atividades constituirão na construção e lançamento de foguetes artesanais feitos a partir de materiais recicláveis.
Cada aluno que participar da OBA recebe um certificado de participação com seu nome impresso e, se estiver entre os primeiros colocados, também ganha medalhas cunhadas em metal ou acrílico. Professores, diretores e escolas que participam do evento também são agraciados com certificados de participação.
O coordenador do Observatório Astronômico Genival Leite Lima (OAGLL), Adriano Aubert, destaca que a participação na olimpíada e na mostra é uma experiência enriquecedora para alunos e professores. “A OBA tem um caráter multifacetado e permite a abordagem de conteúdos relativos a várias disciplinas. Além disso, permitem que os alunos adquiram mais conhecimento sobre o universo e todo ambiente que nos cerca, bem como proporciona aos professores um horizonte mais amplo de formação ao se engajar em projeto multidisciplinar”, avalia.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com