terça-feira, 15 de outubro de 2019

Notícias

In:

Semana Nacional do Tribunal Júri é aberta oficialmente em Alagoas

Por Ivan1
Júris começaram a ser realizados nesta segunda-feira

Júris começaram a ser realizados nesta segunda-feira

A Semana Nacional do Tribunal do Júri em Alagoas foi aberta oficialmente na manhã desta segunda-feira (17) com a presença do desembargador Otávio Praxedes, gestor das Metas da Estratégia Nacional de Justiça e Segurança Pública (Enasp), do corregedor-geral da justiça, desembargador Alcides Gusmão, além dos juízes Maurício Brêda e Geraldo Amorim que realizarão julgamentos durante o evento, que se estende até a próxima sexta-feira (21). A servidora da Corregedoria-Geral da Justiça (CGJ-AL), Leônia Silva acompanha os trabalhos na capital.
O corregedor Alcides Gusmão agradeceu o empenho dos magistrados do estado para a realização da Semana Nacional, que foi idealizada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e está sendo realizada simultaneamente em todos os Tribunais de Justiça do país.
“A Corregedoria acompanhou a elaboração do plano de ação da Semana Nacional do Tribunal do Júri para que o objetivo do Poder Judiciário alagoano e do CNJ, ou seja, dar celeridade ao andamento dos processos, seja alcançado com sucesso”, disse o desembargador Alcides Gusmão.
O juiz Geraldo Amorim informou que nove dos 10 júris marcados para ocorrerem neste primeiro dia serão realizados. “Pela manhã houve o julgamento de sete processos. Dois júris ocorrerão nesta tarde. Conseguimos realizar 90% dos julgamentos previstos. A colaboração da Corregedoria, da presidência do Tribunal de Justiça e do gestor das Metas Enasp foi imprescindível. O Poder Judiciário alagoano uniu forças e a prova disso é esse resultado positivo”, disse o juiz.

Julgamentos
92 processos de crimes dolosos contra a vida na capital e no interior foram pautados para a Semana Nacional do Tribunal do Júri. Em Maceió a previsão é que 51 processos sejam julgados. Os júris acontecerão diariamente em salas adaptadas do Fórum do Barro Duro até a quinta-feira (20). Já nas Comarcas do interior do estado 41 processos deverão ir a julgamento esta semana, a exemplo de Murici, onde há muito tempo não havia a realização de júris.
Na sexta-feira (21), o juiz Maurício Brêda conduzirá o julgamento do caso do médico Daniel Houly, supostamente assassinado por sua esposa e também médica, Tânia Houly, em 1999. O júri será realizado no auditório da Escola Superior da Magistratura (Esmal), no bairro do Farol.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com