quarta-feira, 21 de novembro de 2018

Notícias

In: ,

Ministro cobra providências contra racismo no futebol sul-americano

 ministrocobramedidasracsim   O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, conversou quinta-feira (13), por telefone, com o presidente da  Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), Eugenio Figueredo Aguerra, e cobrou providências contra o racismo no futebol sul-americano.
Na noite de quarta-feira (12), o jogador de futebol Tinga, do Cruzeiro, sofreu ofensas racistas da torcida do Real Garcilaso, durante partida válida pela Copa Libertadores da América, na cidade de Huancayo, no Peru. Torcedores imitavam sons de macacos quando Tinga tocava na bola. Em entrevista após o jogo, Tinga disse que nunca havia sofrido com o racismo, mesmo na época em que jogou na Europa, e lamentou ter passado por isso justamente em um país vizinho ao Brasil, com uma população miscigenada.
Aldo Rebelo também manifestou repúdio ao racismo em nota oficial no site do ministério. O ministro considerou “inconcebível” o ocorrido e prestou seu apoio a Tinga. “No ano em que o mundo inteiro se une para disseminar uma mensagem contra o preconceito durante a Copa do Mundo do Brasil, é inconcebível o comportamento que vimos em Huancayo. Tinga tem todo o nosso apoio na luta contra o racismo, que, esperamos, será combatido com firmeza pela Conmebol.”
Além do ministro, a presidenta Dilma Rousseff, a Confederação Brasileira de Futebol e vários jogadores manifestaram publicamente repúdio às atitudes racistas no futebol e apoio ao jogador do Cruzeiro.
Nesta tarde, o presidente peruano, Ollanta Humala, lamentou o episódio. “Manifestações como as de ontem em uma partida de futebol devem gerar indignação e impulsionar nossa luta contra todo tipo de discriminação”, disse ele em sua conta no Twitter. “Um país tão diverso como o nosso e que fortalece sua identidade, com todas suas culturas, não deve admitir reações racistas de nenhum tipo”, afirmou.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com