segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Notícias

In:

Cristiano Ronaldo é o melhor do Mundo de 2013; Marta perde hexa para alemã

Por Fernanda Duarte - Portal EBC

cristianoronaldo_pele_afpEm um ano que colocou muitas bolas no fundo da rede, faltava apenas uma bola para coroar o ano de Cristiano Ronaldo: uma bola dourada. E ela foi entregue a ele nesta segunda-feira (13), em Zurique (Suíça), na cerimônia do prêmio Fifa Bola de Ouro. Cristiano Ronaldo volta a ser o melhor jogador do mundo, repetindo feito alcançado em 2008 e quebrando a hegemonia do rival Lionel Messi, dono do posto por quatro anos consecutivos.
Além de goleador, Ronaldo foi crucial para garantir Portugal na Copa do Mundo, marcando os quatro gols de seu país na repescagem das eliminatórias europeias, com atuação destacada nas duas partidas decisivas. Terminou como vice-artilheiro do Espanhol do ano passado, com 34 gols, atrás de Messi, que marcou 45.

Trajetória
Cristiano Ronaldo começou sua carreira nas categorias de base do Sporting, de Portugal, aos 11 anos. Estreou como profissional com 16 anos, depois de passar por todas as divisões das categorias inferiores no mesmo ano. Destaque nos campos portugueses, chamou a atenção do Manchester United, que levou o atacante nascido na Ilha da Madeira para o futebol inglês em 2003.
O craque português teve uma passagem vitoriosa pelo United, sendo campeão da Copa da Inglaterra e da Supercopa da Inglaterra, bicampeão da Copa da Liga Inglesa, tricampeão do Campeonato Inglês, campeão da Liga dos Campeões da Europa e do Mundial de Clubes da Fifa. Em 2008, foi eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa e ficou com a Bola de Ouro da revista France Football – até então, os prêmios não eram unificados.
Em 2009, acertou sua tranferência milionária para o Real Madrid: o clube espanhol desembolsou R$ 94 milhões para contratar o jogador, naquela que é a segunda mais cara transferência do futebol mundial. Ronaldo entrou em campo pela primeira vez com a camisa 7 madrilenha em 29 de agosto do mesmo ano, marcando seu primeiro gol pelo clube contra o Deportivo La Coruña, em cobrança de pênalti.
Pelo Real Madrid, foi campeão do Campeonato Espanhol, da Supercopa da Espanha e da Copa do Rei. No ano passado, Ronaldo superou os gols marcados por Eusébio pela seleção de Portugal: o lendário ex-jogador, falecido neste ano, contava com 42 gols, enquanto a estrela do atual selecionado contabiliza 47.
A conta do número de gols não pára de aumentar: com 28 anos, Cristiano Ronaldo tem média de 0,61 gol por partida que disputa, já que balançou as redes 400 vezes nas 653 partidas que esteve em campo. Defendendo as cores do Madrid, já são 230 gols em 221 jogos, o que dá média de 1,04 gol por partida. Com esta estatística, Ronaldo já é o quinto maior artilheiro da história do clube, atrás de Puskás, Carlos Santillana, Di Stéfano e Raúl, nesta ordem.

A votação
Desde 2011, o prêmio de melhor jogador do mundo concedido pela Fifa foi unificado com a tradicional honraria Bola de Ouro, concedido pela revista francesa France Football, dando origem ao prêmio Fifa Bola de Ouro. Um comitê da Fifa e um grupo de jornalistas da France Football formularam e divulgaram, em outubro, uma lista preliminar com 23 candidatos e candidatas ao prêmio de craque da temporada. Na relação masculina, chegaram a figurar os brasileiros Neymar e Thiago Silva.
Na fase seguinte, participaram 209 jornalistas, 209 capitães de seleções e 209 técnicos de times nacionais, que votaram em seus favoritos tanto entre os homens quanto entre as mulheres. Os três finalistas, que somaram o maior número de votos, foram anunciados em dezembro passado.Se faltaram títulos no ano, gols sobraram: o português do Real Madrid terminou a temporada passada com 69 gols marcados pelo Real Madrid e pela seleção portuguesa. Nenhum jogador marcou tantas vezes em 2013 quanto ele. Na semana passada, chegou aos 400 gols em sua carreira, após marcar duas vezes contra o Celta de Vigo, pelo Campeonato Espanhol.

No feminino, Marta não consegue hexa
Dona de cinco troféus de melhor jogadora do mundo, a alagoana Marta não foi a vencedora da Bola de Ouro em 2013. O título ficou com a goleira alemã Nadine Angerer.

Compartilhe:
Tags:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com