terça-feira, 16 de outubro de 2018

Notícias

In:

Convênio vai investir R$ 2,6 milhões na produção leiteira alagoana

Alagoas deu mais um passo para o desenvolvimento da cadeia produtiva do leite no estado. Nessa terça-feira (23), foi assinado um convênio entre o Sebrae Alagoas e a Secretaria de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário (Seagri) para a II Etapa do Programa Alagoas Mais Leite, que vai investir mais de R$2,6 milhões para a melhoria da qualidade e produtividade do segmento durante dois anos. O estado é o 6º maior produtor de leite do Nordeste, com 650 mil litros produzidos diariamente.
O objetivo do convênio é promover o desenvolvimento da pecuária leiteira, principalmente dos produtores de agricultura familiar que estejam organizados em associações ou cooperativas. Entre 400 e 500 agricultores serão beneficiados com o convênio, por meio da introdução da metodologia Balde Cheio em suas propriedades, que oferece transferência tecnológica e consultorias especializadas.
José Marinho Junior, secretário da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário, destaca que a expectativa do convênio é aumentar a renda e a produtividade dos agricultores de micro e pequenos negócios rurais. “O Programa Alagoas Mais Leite vem resgatar a segunda maior atividade do agronegócio em Alagoas, através da geração de renda para o agricultor durante o ano inteiro, já que não existe entressafra na produção de leite. Além disso, o programa cuida da propriedade rural, da alimentação e do melhoramento genético do gado, aprimorando a qualidade do leite produzido”, afirmou.
O convênio vai capacitar técnicos ligados à cadeia produtiva do leite no estado, a fim de que eles repassem as orientações técnicas e assistam os produtores beneficiados; ao todo, serão disponibilizadas mais de 48 mil horas de consultoria tecnológica. Os técnicos serão capacitados em quatro cursos oferecidos pelo Sebrae Alagoas: Manejo de Rebanho Leiteiro; Manejo Intensivo de Pastagem; Irrigação de Pastagens; GPS e Auto-Cad aplicado à Agropecuária.
“O Sebrae é um parceiro para o fortalecimento do setor produtivo do leite em Alagoas. Esse é mais um convênio que vai levar tecnologias avançadas, como a metodologia Balde Cheio, para produtores da agricultura familiar”, declarou o superintendente do Sebrae Alagoas, Marcos Vieira.
A primeira etapa do programa foi realizada entre setembro de 2011 e setembro de 2012, beneficiando outros 400 produtores. Para acompanhar o andamento das ações do programa, que deve ampliar o atendimento aos produtores por dois anos, foi formado um Comitê Gestor entre funcionários da Seagri e do Sebrae Alagoas.

 Balde Cheio

O Programa Balde Cheio é uma metodologia inédita de transferência de tecnologia que contribui para o desenvolvimento da pecuária leiteira em propriedades familiares. Seu objetivo é capacitar profissionais de extensão rural e produtores, promover a troca de informações sobre as tecnologias aplicadas regionalmente e monitorar os impactos ambientais, econômicos e sociais nos sistemas de produção que adotam as propostas.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com